Chefe da Ferrari prevê “fila de supermercado” em treino

Maurizio Arrivabene diz que era preciso mais tempo para a implementação de novo formato de classificação

O chefe da Ferrari, Maurizio Arrivabene, diz ter a preocupação de que a estreia do novo formato de treino de classificação da F1 irá resultar em uma "fila de supermercado" neste sábado em Melbourne.

Ao defender a ideia de fazer alterações no formato de qualificação, Arrivabene sugeriu que talvez o sistema não deveria ter sido apressado para o GP da Austrália.

Ele também previu que poderia ser como "a fila na caixa de supermercado" no início da sessão.

"Eu não quero ser contra qualquer alteração, a Ferrari não quer ser contra a mudança. Eu simplesmente acho que talvez seja melhor dar um pouco mais de tempo para trabalharem as ideias melhor", disse ele.

"Eu não posso dizer isso com certeza. A única certeza é que provavelmente amanhã, no início da qualificação, vamos ver uma fila como no caixa do supermercado em um sábado - Todo mundo querendo sair".

"Então vamos ver. Não é justo criticar antes disso acontecer"

Horner fala sobre restrições de rádio

Falando dos regulamentos para 2016, o chefe Red Bull Racing, Christian Horner, acrescentou que tem preocupações sobre as restrições de rádio, bem como o impacto que poderia ter sobre a base de fãs do esporte.

"Eu acho que vai ser uma viagem de descoberta e espero que não tenham ido longe demais, porque isso é tirar um elemento do diálogo entre o engenheiro e o piloto", disse.

"E alguns destes bastidores podem ser bastante divertidos para os fãs."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Pista Albert Park Circuit
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias