Chefe da Mercedes, Wolff lamenta por Ferrari e Vettel

compartilhar
comentários
Chefe da Mercedes, Wolff lamenta por Ferrari e Vettel
Por: Lawrence Barretto
30 de set de 2017 20:23

Toto Wolff afirma que sente muito por problemas de seus principais rivais em duas etapas consecutivas

Toto Wolff, Mercedes AMG F1 Director of Motorsport
Sebastian Vettel, Ferrari SF70H
Toto Wolff, Executive Director Mercedes AMG F1
Sebastian Vettel, Ferrari
Sebastian Vettel, Ferrari SF70H
Sebastian Vettel, Ferrari after Q1

Sebastian Vettel começará na parte de trás do grid para a corrida de domingo em Sepang, com o rival do título, Lewis Hamilton, na pole position.

Isso aconteceu depois que o piloto da Ferrari se envolveu em um acidente na largada do GP de Cingapura, que o forçou a sair da corrida, enquanto que Hamilton ganhou e aumentou a liderança para 28 pontos.

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, diz que a luta pelo título tensa significa que não há motivo para se sentir culpado por aproveitar as dificuldades de um rival.

"Nós e a Ferrari, não somos prisioneiros", disse Wolff. "Trata-se de ganhar corridas e vencer o campeonato. É esse é o nosso objetivo."

"Mas eu posso lamentar pela Ferrari e por Sebastian, porque sei que é uma situação difícil. Já tivemos isso no passado, vi o motor de Lewis estourar em Budapeste, em 2014."

"Eu vi seu motor explodir na Malásia no ano passado com uma liderança sólida que teria recuperado suas aspirações para o campeonato. Então, eu posso entender isso."

"O mundo quer vê-los brigando e acho que os dois gostam de duelar na pista. Isso é claro, mas é automobilismo, você precisa juntar tudo."

A Mercedes planejou um fim de semana desafiador depois de sofrer na busca de ritmo nos treinos de sexta-feira, mas teve a sorte mudada quando Hamilton surpreendeu e conquistou a pole.

Quando perguntado sobre o que fez a diferença para permitir que Hamilton se posicione à frente, Wolff disse: "Ele apenas guia o carro perfeitamente. Ele consegue lidar com um carro que talvez seja caprichoso."

"Então, quando é importante, ele pode colocá-lo no lugar certo."

"Nos treinos, a Ferrari foi o carro mais rápido nas long runs e na volta rápida a Red Bull estava lá, éramos a terceira força."

"Então, na classificação, tudo mudou. Com o mérito de Lewis, ele foi o mais rápido."

"Não vimos Sebastian, obviamente, e Kimi estava em uma boa volta, mas cometeu um erro e no final, o cronômetro é o que conta."

Próxima Fórmula 1 matéria
Dia de sonho para Hamilton; o sábado na Malásia

Previous article

Dia de sonho para Hamilton; o sábado na Malásia

Next article

Verstappen vence GP animado na Malásia; Hamilton é 2º

Verstappen vence GP animado na Malásia; Hamilton é 2º
Load comments