Chefe da Red Bull vê motores como decisivos para 2014

Christian Horner acredita que mudanças no regulamento farão as fornecedoras ganharem em importância

A Red Bull venceu os últimos quatro campeonatos com um carro aerodinamicamente superior às demais equipes, obra liderada pelo projetista Adrian Newey. Porém, o chefe do time, Christian Horner, acredita que o cenário será diferente a partir do ano que vem, quando estreiam os motores V6 turbo.

“É mais provável que os fornecedores de motores façam a diferença. A grande diferença vai aparecer se um fornecedor acertar ou errar porque o motor vai se tornar um diferenciador de performance chave. Muito mais do que agora”, acredita o dirigente, que prefere focar no próprio desenvolvimento da Red Bull  do que especular e respeito dos rivais.

“É impossível saber o que os outros estão fazendo, então focamos em nós mesmos e descobriremos apenas em Melbourne se será necessário fazer algo mais.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias