Cingapura foi exemplo de que rádio é necessário, defende Wolff

compartilhar
comentários
Cingapura foi exemplo de que rádio é necessário, defende Wolff
Por: Julianne Cerasoli
22 de set de 2014 07:01

Para chefe da Mercedes, corrida de Rosberg seria "um pesadelo" e até perigosa sem instruções técnicas

Os diversos problemas técnicos pelos quais Nico Rosberg passou durante o GP de Cingapura são a prova prática de que a Federação Internacional de Automobilismo deve estudar criteriosamente as restrições que pretende implementar à comunicação via rádio a partir do ano que vem. É o que defende o chefe da equipe Mercedes, Toto Wolff.

[publicidade] Ouvido pelo TotalRace, o austríaco disse que a corrida seria “um pesadelo” para a equipe caso as instruções técnicas estivessem banidas, como era a proposta inicial da FIA para este final de semana. O carro do alemão tinha um problema no cabeamento que liga o volante à central eletrônica e, por isso, algumas funções, como a troca de marchas, estavam prejudicadas. Após seu primeiro pit stop, o piloto acabou abandonando.

“Seria um pesadelo. Imagine como seria a corrida do Nico se não pudéssemos dar qualquer instrução para ele, até por uma questão de segurança: como você não vai falar que o volante não está mostrando tudo o que deveria? Acho que uma corrida como esta, com todos esses ingredientes, tem de ser levada em consideração em relação a qualquer decisão futura”, defende o dirigente.

Wolff deu a entender que a determinação atual da FIA, de que as comunicações técnicas serão proibidas a partir do ano que vem, pode ser revista.

“Acho que as mensagens de rádio não deveriam ser algo que decide corridas. Analisar alguém por ter dito algo que nem deu tanta vantagem é algo que vai longe demais porque eu acho que Charlie e a FIA perceberam que é preciso ver direito isso, pensar novamente e encontrar uma solução mais adequada.”
Próxima Fórmula 1 matéria
É irônico que as Mercedes estejam quebrando, brinca chefe da Red Bull

Previous article

É irônico que as Mercedes estejam quebrando, brinca chefe da Red Bull

Next article

"Estamos trabalhando cada vez melhor", celebra engenheiro da Williams

"Estamos trabalhando cada vez melhor", celebra engenheiro da Williams
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias