Circuito do Azerbaijão promete ser o mais estreito da F1

Com 20 curvas, pista temporária na cidade de Baku será a segunda maior da temporada, apenas atrás da Bélgica

Marcado para o dia 19 de junho deste ano, o GP da Europa – disputado pela primeira vez nas ruas de Baku, no Azerbaijão – começa a ter os detalhes de sua pista revelados. O circuito de rua terá 20 curvas, sendo o terceiro com mais curvas na temporada da F1, perdendo apenas para Abu Dhabi (21) e Cingapura (23).

Baku terá o percurso mais longo do calendário da Fórmula 1 se excluirmos os 7,004 km do tradicional circuito belga de Spa-Francorchamps. Sendo a segunda pista mais extensa do ano, ela terá exatamente 6,006 km.

O mais preocupante para os pilotos, é que a pista terá pontos bem estreitos. O menos largo será na rua Aziz Alivey, que terá apenas 7,6 metros. Para se ter como parâmetro, Cingapura e Hockenheim tem 9 metros de largura em seus pontos mais estreitos. Os carros de F1 tem 1,8 metros. A pista tem no local mais largo 13 metros.

Baku terá uma velocidade média de 211 km/h, o que pode indicar uma volta em 1min42s37. A pista será uma das mais lentas do calendário, à frente dos circuitos de rua, do México e dos EUA.

A largada para a corrida acontecerá às 18h locais. Neste mesmo horário, estará terminando na França as 24 Horas de Le Mans, marcada para começar no sábado no mesmo horário da classificação para o GP no Azerbaijão, o que tem gerado críticas de muitos fãs.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias