Com 8º e 9º lugares, Toro Rosso celebra crescimento

Equipe coloca os dois pilotos nos pontos mesmo com problema de Ricciardo e soma 15 nas últimas cinco provas

Com pouca degradação de pneus e mesmo com um problema no carro de Daniel Ricciardo nas voltas finais, a Toro Rosso igualou no GP da Coreia seu melhor resultado do ano, com os seis pontos somados pelo oitavo lugar de Jean-Eric Vergne e o nono do piloto australiano.

Com isso, nas últimas cinco provas, a equipe somou 15 dos 21 pontos que tem no Mundial de Construtores.

“Estou muito feliz, porque definitivamente foi minha melhor corrida do ano e o carro funcionou bem, com degradação baixa em ambos os compostos”, destacou Vergne. “Dan e eu estávamos em estratégias diferentes, mas ambas pareceram efetivas. No final, me disseram que meu companheiro tinha um problema, mas, para a equipe, um oitavo e nono lugares são um resultado fantástico. Acho que podemos esperar uma performance do mesmo tipo na Índia.”

O francês superou o companheiro Ricciardo nas voltas finais, lucrando com o problema do australiano. “Consegui um ótimo ritmo e superei alguns carros, um por um”, contou o nono colocado na prova. “Meu último stint foi o melhor até cerca de dez voltas para o final, quando passei reto na curva três e achei que estava com um problema na suspensão, mas consegui continuar, puxando para a esquerda toda vez que freava. Infelizmente, isso me custou o oitavo lugar, mas pelo menos consegui dá-la a meu companheiro. Estou grato de estar nos pontos com este problema, mas poderia ter sido meu melhor resultado da temporada.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Coreia
Pilotos Daniel Ricciardo
Tipo de artigo Últimas notícias