Com bom retrospecto, Maldonado diz se sentir confortável em Mônaco

Piloto venezuelano confirma atualizações no FW35 e vê pista de Mônaco como circuito que “não ajuda no progresso”

Maldonado fazendo o

Com duas vitórias e quatro pódios em Mônaco na GP2, Pastor Maldonado tem a pista de rua como uma de suas provas favoritas do mundial. O venezuelano chegou a quase pontuar em 2011, mas um acidente com Hamilton na St. Dévote tirou suas chances.

No ano passado, vindo de uma vitória na Espanha, dois acidentes tiraram as possibilidades de Maldonado na corrida. Primeiro, um encontro nos treinos com Sergio Pérez que lhe gerou uma punição no grid de largada. Depois, largando do fundo do grid, sua corrida não durou muito após acertar Pedro de la Rosa na partida.

“Sinto-me muito confortável [em Mônaco], mas é claro que não depende só de mim”, disse Pastor ao TotalRace no principado nesta quarta.

“A equipe toda tem de se sentir assim e me dar um carro que dê confiança para que faça o melhor de mim.”

“Essa é uma das pistas que mais mudam durante o final de semana. Primeiro, porque é de rua, e segundo porque a pista fica um dia praticamente fechada para as atividades de pista e volta a ser uma rua normal. Isso não ajuda ao progresso – ou talvez ela progride mais do que esperava. É um valor agregado de dificuldade que a pista tem e temos de nos acostumar a isso.”

Pastor também disse que foram trazidas peças novas para os treinos de amanhã. “Vamos testar coisas diferentes em ambos os carros, como estamos fazendo ultimamente. Temos a confiança e a vontade de melhorar, disso não há dúvida.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pilotos Pastor Maldonado
Tipo de artigo Últimas notícias