Com pista suja, Bottas lidera TL1 no México; Hamilton é 2º

Finlandês se utiliza de boa volta com pneus ultramacios para ser 0s466 mais veloz que britânico; Massa é 9º

No final de semana que pode assegurar o tetracampeonato mundial, Lewis Hamilton iniciou seu trabalho sendo batido pelo companheiro de equipe Valtteri Bottas. Vencedor de duas corridas neste ano, o finlandês cravou o tempo de 1min17s824 e foi o único a passar da casa de 1min18s em um asfalto ainda bem sujo no Circuito Hermanos Rodriguez.

Hamilton ficou 0s466 atrás do parceiro, fazendo o tempo de 1min18s290 também com os pneus ultramacios.

A dupla da Red Bull veio logo atrás, com Max Verstappen e Daniel Ricciardo. Os pilotos do time austríaco foram seguidos pelos da Ferrari, com Sebastian Vettel – único que ainda pode tirar o título de Hamilton – à frente de Kimi Raikkonen.

O brasileiro Felipe Massa ficou em nono lugar, atrás de Sergio Perez e Fernando Alonso, mas à frente das Renaults de Nico Hulkenberg e Carlos Sainz Jr.

A sessão chegou a ser paralisada após um acidente de Alfonso Celis Jr. Piloto da casa, o mexicano perdeu a traseira na última curva e bateu.

Brendon Hartley também provocou um Safety Car Virtual, após parar com problemas de motor, mas retornar em seguida.

O treino

Com a pista bastante suja, a sessão demorou para aquecer. Nos primeiros 24 minutos, apenas o italiano Antonio Giovinazzi – que substituiu Romain Grosjean no carro da Haas nesta sessão – marcou voltas rápidas.

Nos primeiros momentos, Stoffel Vandoorne e Alfonso Celis Jr utilizaram o Halo.

O primeiro a de fato fazer uma volta competitiva foi o finlandês Valtteri Bottas, pouco antes da primeira meia hora de treino. Ele e Lewis Hamilton trocaram melhores voltas no início da sessão.

Com meia hora de treino, Bottas liderava com o tempo de 1min19s614, 0s063 à frente de Vettel e 0s201 à frente de Lewis Hamilton. No entanto, o britânico reagiu e cravou 1min19s373.

A evolução da pista era notável, e os tempos cada vez mais caiam. Vettel foi o primeiro a fazer uma volta abaixo de 1min19s, com 1min18s824. De pneu ultramacios, Bottas cravou o tempo de 1min17s824 passou para a ponta.

Na última meia hora de treinos, Celis Jr acertou de traseira o muro da última curva e destruiu a traseira de sua Force India. O mexicano trouxe a bandeira vermelha à sessão.

Quem também teve problemas foi Brendon Hartley, que chegou a provocar um Safey Car Virtual no início da sessão.

O segundo treino livre está marcado para logo mais, às 17h.

Resultado

Pos.PilotoChassisMotorVts.TempoDif.
1 finland Valtteri Bottas  Mercedes Mercedes 42 1'17.824  
2 united_kingdom Lewis Hamilton  Mercedes Mercedes 35 1'18.290 0.466
3 netherlands Max Verstappen  Red Bull TAG 16 1'18.395 0.571
4 australia Daniel Ricciardo  Red Bull TAG 28 1'18.421 0.597
5 germany Sebastian Vettel  Ferrari Ferrari 28 1'18.586 0.762
6 finland Kimi Raikkonen  Ferrari Ferrari 27 1'19.008 1.184
7 mexico Sergio Perez  Force India Mercedes 21 1'19.240 1.416
8 spain Fernando Alonso  McLaren Honda 20 1'19.346 1.522
9 brazil Felipe Massa  Williams Mercedes 32 1'19.443 1.619
10 germany Nico Hulkenberg  Renault Renault 19 1'19.552 1.728
11 spain Carlos Sainz Jr.  Renault Renault 24 1'19.554 1.730
12 canada Lance Stroll  Williams Mercedes 34 1'19.772 1.948
13 denmark Kevin Magnussen  Haas Ferrari 16 1'20.644 2.820
14 germany Pascal Wehrlein  Sauber Ferrari 30 1'20.971 3.147
15 italy Antonio Giovinazzi  Haas Ferrari 26 1'21.269 3.445
16 monaco Charles Leclerc  Sauber Ferrari 28 1'21.446 3.622
17 indonesia Sean Gelael  Toro Rosso Renault 29 1'21.639 3.815
18 new_zealand Brendon Hartley  Toro Rosso Renault 10 1'21.747 3.923
19 mexico Alfonso Celis Jr.  Force India Mercedes 17 1'22.342 4.518
20 belgium Stoffel Vandoorne  McLaren Honda 3    
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do México
Pista Autodromo Hermanos Rodriguez
Tipo de artigo Relato do treino livre