Confira como está o mercado da F1 para a temporada de 2018

25,783 visualizações

Kimi Raikkonen garantiu seu lugar na Ferrari para o ano que vem. Com uma vaga a menos disponível, confira como está o vaivém de pilotos para a próxima temporada da F1!

A F1 já começa a voltar suas atenções para o mercado da temporada de 2018. Confira como está a situação dos pilotos para o ano que vem.

A F1 já começa a voltar suas atenções para o mercado da temporada de 2018. Confira como está a situação dos pilotos para o ano que vem.
1/20

Photo by: LAT Images

Ferrari – Kimi Raikkonen (CONFIRMADO)

Ferrari – Kimi Raikkonen (CONFIRMADO)
2/20

A Ferrari anunciou que Raikkonen fica durante a temporada de 2018. O finlandês, piloto mais velho da F1 em atividade, permanece em Maranello por seu quinto ano consecutivo.

Ferrari – Sebastian Vettel (A CONFIRMAR)

Ferrari – Sebastian Vettel (A CONFIRMAR)
3/20

O atual contrato de Vettel expira ao fim da temporada de 2017. O líder do campeonato ainda negocia com a Scuderia para renovar por mais tempo, mas ainda não há nada garantido para o ano que vem.

Mercedes – Lewis Hamilton (CONFIRMADO)

Mercedes – Lewis Hamilton (CONFIRMADO)
4/20

Hamilton possui contrato válido até o fim de 2018, e não há nada que indique que tal cenário vá mudar. Assim, até segunda ordem, o inglês está garantido na Mercedes no ano que vem.

Mercedes – Valtteri Bottas (A CONFIRMAR)

Mercedes – Valtteri Bottas (A CONFIRMAR)
5/20

Bottas se juntou à Mercedes com um contrato de apenas um ano – ou seja, sua permanência depende de uma renovação. Toto Wolff indicou que um novo acordo com o finlandês era “automático”, mas isso ainda está pendente.

Red Bull – Daniel Ricciardo (CONFIRMADO)

Red Bull – Daniel Ricciardo (CONFIRMADO)
6/20

O australiano, cria da Red Bull desde as categorias de base, está garantido na Red Bull até o fim da temporada que vem.

Red Bull – Max Verstappen (CONFIRMADO)

Red Bull – Max Verstappen (CONFIRMADO)
7/20

O mesmo se aplica a Verstappen. Na verdade, o contrato do holandês vai um pouco além, expirando em 2019, embora não se saiba se haja alguma cláusula que permitira um rompimento antes disso.

Force India – Sergio Pérez (A CONFIRMAR)

Force India – Sergio Pérez (A CONFIRMAR)
8/20

Pérez já indicou seu desejo de permanecer na Force India, embora ainda não haja nada assinado. O mexicano está no time desde 2014.

Force India – Esteban Ocon (CONFIRMADO)

Force India – Esteban Ocon (CONFIRMADO)
9/20

Ocon, cria da Mercedes, se juntou à Force India em um acordo de “múltiplos anos”. Ou seja, a menos que não tenhamos nada de surpreendente, o francês deve ficar no ano que vem.

Williams – A CONFIRMAR

Williams – A CONFIRMAR
10/20

Felipe Massa voltou à Williams de forma emergencial, para cobrir a vaga aberta com a saída de Bottas. Porém, o brasileiro ainda não tem garantia alguma de que permanecerá no ano que vem – e ainda não há previsão para a decisão.

Williams – Lance Stroll (CONFIRMADO)

Williams – Lance Stroll (CONFIRMADO)
11/20

Stroll tem um acordo de longo prazo com a Williams, de modo que, até segunda ordem, deve ficar na equipe inglesa por mais algumas temporadas.

Toro Rosso – Carlos Sainz (CONFIRMADO)

Toro Rosso – Carlos Sainz (CONFIRMADO)
12/20

Sainz está amarrado por contrato à Toro Rosso por mais dois anos. Contudo, a equipe indicou que liberaria o espanhol caso houvesse o pagamento da cláusula de rompimento. Até segunda ordem, Sainz fica para 2018.

Toro Rosso – Daniil Kvyat (A CONFIRMAR)

Toro Rosso – Daniil Kvyat (A CONFIRMAR)
13/20

A Toro Rosso, aliás, afirmou que “não vê motivos para mudar seus pilotos para o ano que vem”. Kvyat é o favorito a permanecer, mas nada está assinado. O russo tem a eterna sombra de Pierre Gasly.

Haas – Romain Grosjean (CONFIRMADO)

Haas – Romain Grosjean (CONFIRMADO)
14/20

Um dos principais pilares da consolidação da Haas na F1, Grosjean permanece na equipe americana pelo terceiro ano em 2018.

Haas – Kevin Magnussen (CONFIRMADO)

Haas – Kevin Magnussen (CONFIRMADO)
15/20

O mesmo se aplica a Magnussen, que se juntou à Haas neste ano e permanece onde está em 2018.

Renault – Nico Hulkenberg (CONFIRMADO)

Renault – Nico Hulkenberg (CONFIRMADO)
16/20

Hulkenberg trocou a Force India pela Renault em um acordo de múltiplos anos. Único piloto a pontuar pelo time em 2017 até então, o alemão desempenha papel de líder dentro de Enstone.

Renault – A CONFIRMAR

Renault – A CONFIRMAR
17/20

A segunda vaga, porém, segue em aberto. Há alguns candidatos claros, como Robert Kubica e Carlos Sainz (como dissemos, caso haja o pagamento da rescisão). Publicamente, a equipe nem mesmo descarta Jolyon Palmer para 2018.

McLaren – Stoffel Vandoorne (CONFIRMADO)

McLaren – Stoffel Vandoorne (CONFIRMADO)
18/20

A equipe inglesa se mostrou satisfeita com o desempenho do jovem belga e indicou que irá respeitar o acordo de vários anos que possui com ele.

McLaren – A CONFIRMAR

McLaren – A CONFIRMAR
19/20

A segunda vaga ainda é um mistério. Fernando Alonso é o favorito da equipe, embora o piloto tenha deixado claro que quer um carro competitivo para 2018.

Sauber – A CONFIRMAR

Sauber – A CONFIRMAR
20/20

A Sauber está totalmente em aberto para 2018. A renovação da equipe com a Ferrari para o fornecimento de motores pode indicar, inclusive, que ela se transformará em um “time B” de Maranello, mas ainda não há nada definido.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Conteúdo especial