De contrato novo, Kimi bate Vettel em sexta-feira na Bélgica

Em pista na qual venceu quatro vezes, piloto finlandês fecha top-5 e reclama de bolhas em seus pneus após long runs

Com ânimo renovado, Kimi Raikkonen usou sua grande aptidão no circuito de Spa-Francorchamps nesta sexta-feira para bater seu companheiro Sebastian Vettel nas duas sessões de treinos livres. Ainda assim, a Ferrari ficou atrás dos dois carros da Red Bull.

"O dia não foi nada mal, mesmo que nosso programa tenha sido um pouco afetado pelas bandeiras vermelhas. Mas foi o mesmo para todos”, falou o finlandês.

“No final, nós conseguimos fazer todo o trabalho que havíamos planejado. Em relação aos pneus, tivemos a formação de algumas bolhas na frente, o que obviamente não é o ideal, mas também não é um desastre. Há muitas coisas que podemos fazer para melhorar isso.”

“Amanhã vamos tentar o nosso melhor e ver o que podemos fazer para o domingo."

Sebastian Vettel foi apenas o décimo colocado à tarde e quer mudanças em seu SF15-T para amanhã. "Obviamente é bom chegar aqui depois do grande resultado na última corrida, mas temos de manter os pés no chão.”

“É um circuito diferente, temos diferentes condições de novo, então vamos tentar fazer o nosso melhor, como de costume.”

“Hoje não foi o melhor dia para nós. Foi um pouco difícil encontrar ritmo, mas para amanhã acho que podemos dar um passo à frente. Temos de fazer isso, porque não quero ser o décimo de novo.

“Estou bastante confiante de que podemos melhorar o carro, porque hoje não estive completamente feliz com ele. Amanhã deve ser um dia melhor.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Sub-evento Sexta-feira treino 2
Pista Spa-Francorchamps
Pilotos Kimi Raikkonen , Sebastian Vettel
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias