Dennis: McLaren continua pagando por erro de 2013

compartilhar
comentários
Dennis: McLaren continua pagando por erro de 2013
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble
15 de dez de 2015 13:51

CEO da McLaren diz que time inglês ainda paga por erros cometidos entre 2012 e 2013 em projeto do carro

Sergio Perez, McLaren Mercedes
Ron Dennis, McLaren
Jenson Button, McLaren MP4-30
Lewis Hamilton, McLaren Mercedes with Jenson Button, McLaren Mercedes
Jenson Button, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Jenson Button, McLaren
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren MP4-30

Para Ron Dennis, a McLaren sofre até hoje por ter feito um carro muito diferente do antecessor para a temporada de 2013 da Fórmula 1. O projeto formulado pelo time liderado por Martin Whitmarsh deu à McLaren na época sua pior temporada em toda a história.

"Você percebe que é a combinação de tudo, e não uma coisa só”, disse Dennis sobre a atual má fase da equipe.

"A McLaren não teve uma temporada particularmente boa, nem essa nem a última. Mas você esquece rapidamente o nível da posição dominante que já tivemos.”

Ele acrescentou: "Às vezes, a sua bússola desliga completamente, e você vai para o caminho errado aerodinamicamente.”

"Quando você faz um carro e constrói nele uma fraqueza na parte fundamental, é extremamente duro de desenvolver.”

"Quando saímos do que foi uma temporada dominante em 2012, fomos para Abu Dhabi nos testes e tivemos de longe o carro mais rápido. Não houve mudança no regulamento, por isso não foi a decisão certa fazer um carro novo para 2013.”

"Não foi uma decisão acertada não termos voltado imediatamente o carro de 2012 após o primeiro GP. Esse foi o ponto em que a empresa cometeu um erro.”

"Nós deveríamos ter revertido para o carro do ano anterior e, em seguida, deveríamos ter desenvolvido esse carro. Então, não teríamos perseguido algo que, analisando agora, era ruim."

Em 2013 a McLaren foi assolada por problemas aerodinâmicos em seu carro e, apesar de ter pensado em utilizar novamente o carro de 2012, o time continuou tentando melhorar o carro 2013, que não foi capaz de sequer conquistar um pódio. Ele não ganhou uma corrida desde então.

Honda foi uma boa mudança

Embora a temporada de 2015 tenha sido ruim para a McLaren, Dennis continua convencido de que a parceria com a Honda é essencial para o sucesso a longo prazo.

"Foi um ano desafiador, mas eu não diria que foi um ano horrível", disse ele. "Nós ainda temos absoluta convicção de que para ganhar um campeonato mundial precisamos estar 100% apoiados por uma das quatro fabricantes de motores.”

"Estamos muito felizes de ter o nível de compromisso que temos da Honda. Claro que tem sido um desafio. Nós sabemos onde estamos, e nós temos muita confiança em onde vamos estar no início da próxima temporada.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Bottas é único 100% em disputas internas na F1: veja placar

Previous article

Bottas é único 100% em disputas internas na F1: veja placar

Next article

Marchionne: Vettel "já é mais ferrarista do que Alonso"

Marchionne: Vettel "já é mais ferrarista do que Alonso"
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes McLaren Shop Now
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias