Depois de 1º teste, Massa diz que Williams está na F-1 para estar na frente

compartilhar
comentários
Depois de 1º teste, Massa diz que Williams está na F-1 para estar na frente
30 de jan de 2014 17:03

Brasileiro termina primeiro dia no FW36 em segundo e relata grande diferença entre carros de 2014: "Parecem categorias diferentes"

Felipe Massa testou pela primeira vez o novo carro da Williams hoje em Jerez de la Frontera. O piloto brasileiro relatou boas sensações com o FW36 e se disse animado para prosseguir com o trabalho amanhã. Para ele, o dia foi de primeiras experiências, o que fez ser um momento único em sua carreira.

“Foi um dia muito especial. Foi o primeiro dia que guiei um motor diferente de um Ferrari na minha vida na Fórmula 1”, relatou ao TotalRace.

“Estou feliz com a primeira impressão com a equipe, da primeira impressão dirigindo o carro. O motor, o carro, o pneu, câmbio, tudo foi muito bom. Estou feliz com a mudança que fiz, e estamos indo na direção que esperava.”

Massa se disse otimista após o primeiro dia e afirmou que vê outros times com mais dificuldade. “Não fizemos tantas voltas quanto esperávamos fazer. Infelizmente algumas vezes você tem pequenos problemas que levam tempo para consertar e sair de novo. Porém, acho que tem gente com mais dificuldade que nós, e acho isso positivo.”

“Somos uma equipe profissional, que pode fazer um grande trabalho. A Williams não é uma equipe que está na Fórmula 1 para lutar no fundo, e sim na frente. E por isso, estou mais feliz do que o esperado.”

Massa acredita no time e vê a possibilidade da equipe fazer uma boa temporada. “Acho que tudo é possível, e espero fazer o melhor possível para levar a Williams a ser uma equipe competitiva de novo. A Williams que nós acostumamos a ver, lutando por campeonatos.”

O brasileiro relatou que sua primeira experiência com a Mercedes foi positiva, e crê que passa pelo propulsor alemão a busca da Williams de voltar a ser grande. “O que senti dirigindo um motor diferente, um Mercedes turbo, foi bom. Tive uma sensação muito boa, gostei do motor, gostei do trabalho da Mercedes, e acho que o trabalho da Mercedes é um grande fator, e é esse caminho para a Williams voltar a ser competitiva.”

Por fim, Felipe disse que todos os carros de 2014 se comportam de forma diferente. Tão distinta, que o brasileiro afirma que parecem três categorias únicas. “Olhando de fora, é uma grande diferença entre todos os carros. E não falo de performance, falo de observar como o carro freia, como sai da curva. Falo de Mercedes, comparado com a Ferrari e com a Renault. Parecem três categorias diferentes, mas sem falar de performance. É só o barulho, como parecem. É difícil entender quem fez o melhor trabalho”, observou.

Próxima Fórmula 1 matéria
Para Kevin Magnussen, estar na frente não significa nada

Previous article

Para Kevin Magnussen, estar na frente não significa nada

Next article

Alonso não vê vantagem em problemas da Red Bull: "Sempre é assim"

Alonso não vê vantagem em problemas da Red Bull: "Sempre é assim"
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa Shop Now
Tipo de matéria Últimas notícias