Depois de chamar carro de inguilável, Maldonado mantém esperança

Venezuelano explica que Williams fará uma série de comparações nos treinos para tentar sair do buraco após Melbourne

Depois de chamar o carro de “inguilável” após a classificação para o GP da Austrália, Pastor Maldonado afirmou na Malásia que espera ver os problemas que levaram a Williams a cair vertiginosamente de rendimento em relação ao ano passado resolvidos rapidamente. Até porque, salientou o venezuelano, a base do FW35 é o carro de 2012.

“Será algo breve, acho e espero. Não tem nada a ver com o desenho do carro. Acho que temos um grande potencial. O coração do carro é o modelo do ano passado, só precisamos trabalhar e ver o que podemos fazer a tempo.”

A estratégia da equipe é dar mais um passo atrás na sexta-feira, removendo peças que foram introduzidas ao longo dos testes de pré-temporada, para fazer comparações e compreender onde está o erro.

“Temos soluções diferentes para testar amanhã com ambos os carros e então veremos se estamos certos ou não. Vimos os problemas, eles são muito claros, e temos algumas idéias para resolvê-los. Você nunca sabe quais as condições e os pneus, então precisamos ter cuidado e fazer nosso melhor

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias