Desanimado, Hulk admite que Sauber prefere os pneus macios

Alemão queria que a Pirelli tivesse sido menos conservadora na escolha dos compostos para o GP da Espanha

Depois de sofrer no final de semana do GP do Bahrein, terminando a prova fora da zona de pontuação, Nico Hulkenberg não espera uma revolução na performance da Sauber na quinta etapa do campeonato, na Espanha.

Ouvido pelo TotalRace, o alemão lembra da dificuldade da equipe em trabalhar com os compostos mais duros, que serão usados neste final de semana. Para piorar a situação da Sauber, a Pirelli decidiu tornar o pneu ainda mais duro.

“Eu gostaria de ver o composto macio aqui, assim como também gostaria que tivessem escolhido o macio para o Bahrein pois acho que é o composto de funciona melhor em nosso carro. Mas teremos um pneu mais duro, mais próximo do que era ano passado, e não faço nenhuma ideia de como ele vai se comportar em nosso carro.”

Outro motivo de preocupação da equipe é a asa traseira, que não tem funcionado a contento. O time testará um novo modelo em Barcelona. “Levamos uma asa traseira nova a Xangai, o que foi um passo adiante, mas não o suficiente”, reclamou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Pilotos Nico Hulkenberg
Tipo de artigo Últimas notícias