Descongelamento de motores é uma vitória, afirma presidente da Ferrari

Sergio Marchionne comemora decisão da FIA, mira crescimento e pede paciência aos fãs da escuderia

Sergio Marchionne, novo presidente da Ferrari, diz que a decisão da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) de permitir o desenvolvimento dos motores ao longo da temporada é uma vitória. 
 
[publicidade]"Já começamos 2015 com uma boa notícia, que é a possibilidade de mexer nos motores durante o ano, sendo que tudo indicava que eles permaneceriam congelados. Eu considero nossa primeira vitória", comemora.
 
Marchionne confirma que participará de algumas corridas em 2015, mas a responsabilidade de comandar a escuderia durante grande parte da temporada será de Maurizio Arrivabene, que substitui Marco Mattiacci como chefe ferrarista. 
 
O presidente pede paciência aos fãs da Ferrari, insatisfeitos com o péssimo desempenho em 2014. "Vai ser um ano difícil, estamos começando de trás. Estou focado em encontrar uma maneira para voltar ao topo o mais rápido possível. Eu gostaria de dizer aos fãs que nos deixem trabalhar", afirmacome. 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias