Di Resta confirma conversas com McLaren para vaga de Hamilton

compartilhar
comentários
Di Resta confirma conversas com McLaren para vaga de Hamilton
Por: Julianne Cerasoli
15 de jan de 2013 09:51

Piloto escocês revelou ainda que Martin Whitmarsh foi fundamental para que conseguisse seu lugar na Force India

O escocês Paul Di Resta confirmou o interesse da McLaren em contratá-lo para esta temporada. Mesmo que o negócio não tenha dado certo por motivos comerciais, o piloto destacou a boa relação com o time de Woking e revelou que o chefe, Martin Whitmarsh, foi decisivo para que conseguisse sua vaga atual na Force India.

“Não vou entregar muito, mas nós conversamos. Tenho uma grande relação com a equipe e Martin Whitmarsh foi a pessoa chave que indicou meu nome para a Force India. Também faço parte da Mercedes-Benz há muitos anos mas, por qualquer motivo, eles decidiram não me colocar no carro”, afirmou durante exibição da Autosport. O escocês foi campeão da F-3 Euroseries e da DTM com motores da montadora alemã.

A própria equipe admitiu que Di Resta era um dos candidatos a ocupar a vaga deixada por Lewis Hamilton, mas o fato do piloto também ser britânico, a exemplo do outro piloto da equipe, Jenson Button, desencorajou o time em levar o negócio adiante por atrair uma gama menor de patrocinadores. Assim, contrataram o mexicano Sergio Perez.

“Nossos caminhos podem se cruzar”, sorriu Di Resta. “Pode ser que seja em um carro que estará ganhando deles e riremos por último, mas, se tiver de trabalhar com eles, são pessoas profissionais e vencem corridas, e é por isso que estou no esporte.”

O escocês, que ainda não foi confirmado, mas deve fazer sua segunda temporada na Fórmula 1, pela Force India, tem como meta manter sua boa relação com equipes grandes como a McLaren para continuar sendo considerado uma opção no futuro. “O mais importante é ter os resultados e manter-se no radar das equipes. Ter uma boa relação com eles é o principal, e tenho isso com várias pessoas no paddock. Infelizmente, preciso de um pouco mais [para conseguir a vaga], pois há um lado comercial e o dinheiro é curto. Sem implorar por um emprego, você tem de estar por perto na hora certa.”

Próxima Fórmula 1 matéria
A primeira aparição oficial da Ferrari em 2013: Wrooom em Madonna

Previous article

A primeira aparição oficial da Ferrari em 2013: Wrooom em Madonna

Next article

Pirelli prevê adaptação melhor aos pneus do que em 2012

Pirelli prevê adaptação melhor aos pneus do que em 2012
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Paul di Resta
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias