Domenicali usa Alonso como inspiração e cobra pontos de Massa

Dirigente admite que brasileiro foi acometido pela má sorte, mas afirma precisar de piloto para título de equipes

Fernando Alonso

Para Stefano Domenicali, apesar de a Ferrari não ter vencido, cumpriu todos seus objetivos no GP da Espanha de Fórmula 1.

Segundo o chefe da equipe de Maranello, as metas eram progredir na competitividade e continuar na briga pelo título de pilotos com Fernando Alonso, que, novamente, recebeu inúmeros elogios.
 
"Fomos para a Espanha com dois objetivos: progredir em termos de performance e manter Fernando em contato com os líderes no campeonato. E conquistamos essas duas metas", analisa Domenicali.
 
"Novamente, Fernando fez uma corrida extraordinária, lutando pela vitória da primeira à última volta. Tivemos incidentes infelizes, como passar Pic, por exemplo, mas não tivemos margem para atacar Maldonado", explica.
 
Já o brasileiro Felipe Massa não foi criticado, mas novamente foi relacionado ao azar. Mesmo não tendo culpa nas coisas que aconteceram, o brasileiro foi cobrado: ele precisa pontuar mais para a Ferrari brigar pelo título de equipes.
 
"É uma pena para Felipe, que teve azar todo o fim de semana: no sábado, o tráfego, e domingo, uma punição que o tirou dos pontos após uma ótima largada. Esperamos que ele reaja, lute de volta já em Mônaco: precisamos de seus pontos para brigar pelo título de Construtores".
 
Passada a corrida em Barcelona, a Ferrari segue para a fábrica para seguir trabalhando na F2012, de olho em manter o piloto espanhol na briga pelo título. "Agora vamos voltar a pensar no desenvolvimento do carro, pois não somos velozes o suficiente para lutar consistentemente por um pódio, que é a única opção se quisermos brigar pelo título"
 
"Apesar de tudo, Fernando lidera o campeonato junto com o atual campeão: um incentivo para todos os nossos membros que trabalham na fábrica e na pista", resume Domenicali, que fez questão de elogiar Pastor Maldonado e a Williams pela vitória.
 
"Queria parabenizar Pastor por sua primeira vitória e a Williams por voltar a vencer após vários anos."
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias