Dupla da Force India sai decepcionada da classificação

Di Resta apostou em acerto para pista seca, enquanto Hulkenberg não sabe por que perdeu ritmo no Q3

 

A dupla da Force India saiu frustrada da classificação para o GP da Grã-Bretanha. Após chegar ao Q3, Nico Hulkenberg esperava uma colocação melhor do que o nono lugar, pois sofrerá uma punição de cinco posições pela troca do câmbio.

“Foi uma sessão muito longa, mas acho que aproveitamos ao máximo as condições no Q1 e no Q2. Foi definitivamente a decisão certa parar o treino porque havia muita água e os carros estavam começando a aquaplanar. Mas não entendo para onde o ritmo foi no Q3 quando estava com intermediários, porque o carro ficou mais difícil de pilotar. Esperava mais que o nono lugar”, afirmou o alemão, 14º no grid.

Já Paul Di Resta, um dos que herdou uma posição pela punição do companheiro e larga em 10º arriscou ao adotar uma configuração voltada à pista seca e acredita que pode ganhar terreno amanhã.

 “Apostamos que a classificação seria no seco e essa é a direção que tomamos o acerto, o que tornou a pilotagem muito difícil. Acho que outros carros foram mais agressivos com um acerto totalmente para o molhado, então esperamos que funcione amanhã.”

Ouvido pelo ToalRace, o escocês acredita que poderia ter obtido um resultado melhor caso tivesse completado sua última volta no Q2 sem a bandeira amarela no último setor. “A pista estava ficando mais seca, mas já não dava tempo de começar mais uma volta. Perdemos uma oportunidade porque poderíamos estar mais à frente. Mas amanhã será um dia longo e veremos o que podemos fazer.” 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Pista Silverstone
Pilotos Paul di Resta , Nico Hulkenberg
Tipo de artigo Últimas notícias