Ecclestone afasta chance de corrida de rua em Madri

Chefão da F1 negou a chance de Madri sediar uma segunda corrida espanhola no calendário

Ecclestone negou qualquer chance de a F1 desembarcar em Madri
Uma alteração importante no calendário da F1, especulada nas últimas semanas, acabou enterrada por Bernie Ecclestone nesta sexta-feira. Em entrevista à ‘Forbes’, o chefão da Fórmula 1 negou a chance de Madri sediar uma corrida de rua a partir de 2016.
 
[publicidade] “Não vamos fazer uma corrida em Madri. Falaram sobre isso, mas nada aconteceu. Não precisamos de uma segunda corrida em Espanha, é tão simples quanto isso”, declarou Ecclestone.
 
O mais importante diretor da Fórmula 1, no entanto, mostrou-se favorável à expansão do calendário, já que, a partir de 2016, o Azerbaijão entra no calendário; especula-se também uma corrida em Las Vegas.
 
“Se eu quiser mais do que 20 corridas, não preciso do consentimento das escuderias”, garantiu.
 
Perto do final da temporada 2014, a grande novidade para os próximos anos na Fórmula 1 é a entrada do circuito de Baku, no Azerbaijão. 
 
Nas últimas semanas, Las Vegas ganhou força com o apoio de um consórcio. Ecclestone expressa claramente o desejo de inserir uma segunda corrida americana no calendário da F1. 
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias