Ecclestone diz que Cingapura não quer mais sediar GP

Bernie Ecclestone revelou que organizadores do GP de Cingapura querem deixar a categoria; dirigente insiste que

Há meses o GP de Cingapura tem sido alvo de especulação sobre a continuidade ou não na Fórmula 1, já que o contrato da prova com a categoria termina após a edição do próximo ano. Bernie Ecclestone, chefão da categoria, tem uma opinião sobre o assunto: para o dirigente, Cingapura não segue após o término do contrato.

Em entrevista à publicação alemã Auto Motor Und Sport, publicada neste domingo (20), Ecclestone não só disse que a prova não deve estender o contrato atual como não ficaria surpreso se alguma das fabricantes que atualmente estão na categoria - incluindo a Mercedes - saia do certame nos próximos anos.

“Pode acontecer de a Mercedes e a Ferrari acabar nos deixando. Honestamente, se as corridas melhorarem, talvez não seja algo tão terrível. Devemos lidar com o fato de que, uma hora ou outra, fabricantes saem de qualquer forma", afirmou.

"A Mercedes fará isso quando for interessante para eles e isso é algo que já aconteceu antes - veja a Honda, BMW e Toyota. Eles irão quando a F1 tiver feito todo o trabalho para eles. Nada é gratuito", acrescentou.

“Com os organizadores, é o mesmo. Veja o que fizemos por Cingapura: sim, o GP custa muito a eles, mas também demos a eles muito dinheiro. De repente, eles deixaram de ser somente um aeroporto em que se faz uma conexão. Agora eles acreditam que alcançaram o objetivo deles e não querem mais o GP", cravou.

As dúvidas sobre o futuro do GP de Cingapura ganham força em meio a sérias questões envolvendo os GPs da Alemanha e do Brasil - além do Canadá, ainda não confirmado mas com mais chances - para o próximo ano.

Ao falar sobre as provas, Ecclestone disse: "Estamos tentando fazer o melhor para manter o Canadá no calendário. No Brasil estamos buscando o mesmo, ainda que esteja difícil", comentou.

“Em relação a Hockenheim, não podemos subsidiar a corrida se não fizermos o mesmo em outras provas na Europa", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias