Ecclestone e Ferrari negam boicote da TV contra equipe italiana

compartilhar
comentários
Ecclestone e Ferrari negam boicote da TV contra equipe italiana
Erick Gabriel
Por: Erick Gabriel
27 de jul de 2015 19:12

Após comentarista da RAI reclamar do pouco tempo de destaque dos carros da escuderia, direção da FOM e da própria equipe negaram qualquer tipo de boicote

Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W06; Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06; Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T; e Kimi Raikkonen, Ferrari SF15-T na largada
Largada
Largada
Largada, Sebastian Vettel, Scuderia Ferrari

A vitória da Ferrari no GP da Hungria mexeu com os nervos dos italianos para o bem e para o mal. O comentarista da RAI, Gianfranco Mazzoni, sugeriu durante a transmissão da prova que a seleção das imagens estava preterindo os pilotos da escuderia italiana.

Além disso, o jornalista alegou que Bernie Ecclestone estava brigado com a equipe e que tal ato era uma resposta. E mais, Mazzoni convidou os telespectadores a reclamarem diretamente com a FOM (Formula One Managemente, responsável pela geração de imagens) sobre o procedimento.

Após o fim da prova, o próprio chefe da Ferrari, Maurizio Arrivabene negou o fato: "Absurdo. Isso é algo nonsense, vamos parar com isso", disse ao jornal italiano Il Fatto Quotidiano. Além disso, Arrivabene declarou que a transmissão se preocupou com as brigas por posições, o que é normal.

Ecclestone, acusado diretamente, foi mais cuidadoso: " Não percebi boicote algum à Ferrari. Certamente de minha parte não houve nada. Vou assistir calmamente a gravação de novo."

Próxima Fórmula 1 matéria
Williams estuda levantar assento do carro de Massa

Previous article

Williams estuda levantar assento do carro de Massa

Next article

4º no GP da Hungria, Verstappen usará férias para tirar habilitação

4º no GP da Hungria, Verstappen usará férias para tirar habilitação
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Ferrari Shop Now
Autor Erick Gabriel
Tipo de matéria Últimas notícias