Ecclestone indica que Valência e Barcelona farão rodízio por GP da Espanha

Inglês faz elogios ao circuito de rua que recebe desde 2008 o GP da Europa e afirma que faltam apenas definir datas

O GP da Europa em Valência é disputado desde 2008

A crise que atinge a Europa, especialmente países como Grécia, Espanha, Portugal e Irlanda, começa a ter reflexos claros nos locais que recebem a Fórmula 1. Bernie Ecclestone, homem que controla a parte comercial da F-1, disse estar próximo de fechar contrato para que a partir de 2013 os circuitos de Valência e Barcelona entrem em rodízio, como acontece na Alemanha, com Hockenheim e Nurburgring.

Em entrevista à rádio Cadena Ser, Ecclestone afirmou que está trabalhando em relação às datas. "Ambas as provas acordaram que o melhor a se fazer é entrar em rodízio, e agora estamos tentando encontrar as datas."
 
"Queremos ver como podemos ajudar Valência e o revezamento com Barcelona é uma boa solução. Dividir a prova será uma boa ideia para eles", acrescentou Ecclestone.
 
O homem mais poderoso da F-1 negou que a prova deste ano em Valência estaria correndo risco de não acontecer, e afirmou que ficaria feliz se o contrato, que tem extensão até 2014, fosse cumprido.

"Nós realmente queremos estar em Valência. Todos estão felizes lá, tanto equipes, como patrocinadores. Será uma pena perder um evento como esse. Adoraria continuar com Valência no calendário após 2014. Sempre fiquei contente com a forma que a prova foi organizada lá, jamais fiz qualquer reclamação e as pessoas sempre foram amigáveis e hospitaleiras."
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias