Em corrida maluca e cinco paradas, Nasr “aceita” pontos

Brasileiro da Sauber vive final de semana difícil em Austin, mas conquista nono lugar após último Safety Car

O dia do brasiliense Felipe Nasr não foi dos mais fáceis. O piloto da Sauber conquistou mais dois pontos no mundial depois de chegar ficar uma volta atrás e ter andado em último na corrida, inclusive atrás da Manor de Alexander Rossi.

Sem treinar na primeira sessão (cedeu seu carro a Marciello, piloto de testes), o piloto tinha apenas dado poucas voltas no terceiro treino livre da manhã de sábado antes de classificar seu carro neste domingo. Nasr acabou ficando atrás do companheiro Ericsson e acabou o tocando ainda no início da corrida e perdendo parte de sua asa dianteira.

A desvantagem de Felipe para os outros foi obtida aí, já que apostou em pneus de pista seca quando o trilho ainda não havia se formado no Circuito das Américas. Ele teve de voltar aos pits e perdeu uma volta após colocar intermediários.

Ele recuperou esta volta pelas intervenções do Safety Car.

“Sem dúvida os dois pontos a gente leva. Não posso negar esses pontos depois de tudo”, disse.

“Foi um final de semana com muitos complicadores, até mesmo na corrida. Primeiro tivemos o toque com o Marcus, depois uma parada para trocar o bico e trocamos de intermediários para os pneus slicks.”

“Pelo menos, marcamos dois pontos na nossa corrida 400. No final da corrida consegui ganhar posições, administrando meus pneus melhor do que meus concorrentes. Assim terminamos nos pontos. "

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Sub-evento Domingo corrida
Pista Circuit of the Americas
Pilotos Felipe Nasr
Tipo de artigo Últimas notícias