Em má fase, Hulkenberg recebe apoio da Force India

A equipe prometeu fazer o possível para garantir que o moral de Hulkenberg não seja afetado pelos recentes maus resultados

O abandono de Nico Hulkenberg no GP dos EUA após colisão com Daniel Ricciardo foi o terceiro devido a algum tipo de acidente em quatro provas. Ele também rodou na primeira curva no GP da Rússia, além de levar uma punição no grid para o GP do Japão por bater em Felipe Massa em Cingapura.

O chefe adjunto da Force India, Bob Fernley, disse que o time apoia o piloto, e diz que o alemão não deve mudar o estilo de pilotagem.

"Nós temos de ter certeza que os incidentes não vão abalar a confiança do piloto, pois ele está num momento muito sensível agora. Muitos dos acidentes foram azares, e você acaba perdendo confiança. Mas ele é muito talentoso", disse.

Quando perguntado o que o time poderia fazer, Fernley disse: "apenas ter certeza de que você está lá para eles, e apoiá-los o tempo todo. Nós tomamos as decisões de tê-los como pilotos e confiamos que eles vão alcançar os seus objetivos."

Hulkenberg insistiu que é capaz de colocar todos os seus dramas recentes de lado e focar em pilotar o melhor que pode.

"Não está na minha mente. Estou precavido, mas você precisa deixar essas coisas para trás e olhar para frente. Estou empolgado. Não é o meu GP natal, é o de Checo, mas os mexicanos têm sido muito receptivos e amigáveis comigo também. Quero ter um bom final de semana", afirmou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do México
Pista Autodromo Hermanos Rodriguez
Pilotos Nico Hulkenberg
Equipes Force India
Tipo de artigo Últimas notícias