Em primeira prova com novo chassi, Grosjean é terceiro

Francês agradece equipe pela compreensão dos problemas que o atormentaram nas primeiras etapas do campeonato

O GP do Bahrein marcou praticamente um novo começo para Romain Grosjean. Após sofrer problemas não identificados nas primeiras provas, tendo dificuldade para andar no ritmo do companheiro Kimi Raikkonen, o francês ganhou um novo chassi da Lotus e conquistou seu primeiro pódio no ano.

“Nas primeiras corridas eu fui consistente, mas não conseguíamos conquistar os resultados que almejávamos. Devo a melhora que vimos aqui à equipe, que descobriu o que eu precisava no carro.”

Largando em 11º, Grosjean buscou uma estratégia semelhante ao que Felipe Massa tentaria originalmente, deixando os pneus médios para o final da prova, quando superou Paul Di Resta para ser terceiro. Mesmo com um início conturbado e a antecipação da primeira parada, o francês teve ritmo para se recuperar e fez ultrapassagens importantes para sair da briga nas Mercedes e McLaren.

“Na primeira parte da prova, eu tive de parar um pouco antes do previsto porque tinha detritos no meu pneu e não conseguia limpá-los. Lutamos muito na pista e conseguimos um ótimo resultado.”

Para o restante da temporada, a receita do francês é simples: “Quero manter a consistência.” Sétimo no campeonato mesmo com os problemas das primeiras etapas, Grosjean pontuou em todas as provas até aqui.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pilotos Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias