Em sexto no grid, Alonso torce por tempo seco na corrida

Espanhol se disse feliz por conseguir ir ao Q3 em dia tão difícil devido ao tempo e crê que Ferrari é melhor no seco

Em sexto e com Vettel, seu maior adversário, na pole, Fernando Alonso não teve a classificação dos sonhos neste sábado no Canadá. Mesmo assim, ouvido pelo TotalRace, o espanhol se disse feliz por conseguir ir ao Q3 em uma classificação tão problemática e torce por tempo seco amanhã.

“No seco, creio que podemos ser mais competitivos, analisando os treinos de sexta. Temos um carro capaz de lutar com todos e alguns adversários são mais fortes no molhado, como a Williams de Bottas”, disse, sobre o terceiro lugar do finlandês.

Segundo Alonso, o maior problema enfrentando hoje foi a constante mudança da pista. “Nossos pneus estavam corretos, usamos os mesmos dos outros. No final, sempre passamos no limite, então fiquei até que satisfeito por salvar uma classificação com tantos percalços. E se chover amanhã, será parecido. É preciso interpretar cada volta, cada curva, pois a todo momento o clima muda”, comentou.

Em relação ao campeonato, Alonso lembra que o importante é tentar tirar pontos dos rivais diretos ao título, Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen. “Do Kimi será mais fácil, pois larga atrás. Em relação ao Vettel é bem mais complicado. Mas nosso objetivo é esse. Chegar à frente deles”, concluiu.
 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias