Ericsson: novo motor Ferrari dá “grande salto” para a Sauber

Marcus Ericsson não tem dúvidas de que o “belo” Sauber com patrocínio da Alfa Romeo dará um “importante” salto à frente em termos de performance na F1 neste ano.

O sueco já viu imagens de computador do novo Sauber C37 e está empolgado com o progresso que acredita que a equipe vai ter – graças à mudança para o motor atualizado da Ferrari, além de laços mais estreitos com a equipe de Maranello.

“Acho que é um grande salto ter o mesmo motor que os Cavallinos”, disse Ericsson ao Motorsport.com.

“A equipe tem muita confiança e desejo de ir bem. Já vi o carro em imagens de computador e parece muito bonito – e deve nos dar um grande salto à frente.”

“A parceria com a Alfa Romeo significa o retorno de uma marca história à F1. É um motivo a mais para crer que a Ferrari nos dará suporte máximo para crescer. Estou confiante.”

A Sauber terminou o campeonato de construtores de 2017 em último, mas sua campanha não foi ajudada pelo fato de ter utilizado um motor defasado da Ferrari.

Para a próxima temporada, Ericsson acredita que as principais rivais da Sauber serão Haas e Toro Rosso, e vê possibilidade de surpreender as equipes maiores.

“Estamos ali com Haas e Toro Rosso. Acho que a próxima temporada será imprevisível em algumas corridas.”

“Ela pode ser muito boa, sendo que podemos, em alguns momentos, desafiar Renault e Force India. Mas haverá outras corridas em que haverá problemas e estaremos ainda mais abaixo.”

“A meta é simplesmente entrar no grupo de equipes do pelotão intermediário. Mas é claro que haverá uma batalha aberta, GP após GP. Quero estar na melhor forma possível para encontrar a satisfação de que senti falta em 2017.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Marcus Ericsson
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias