"Especial não foi, mas foi legal", diz Kimi, sobre pódio no Bahrein

Com seu jeitão frio e de poucas palavras, finlandês torce para que bom desempenho seja repetido neste fim de semana

Kimi

A segunda posição obtida no Bahrein parece não ter mudado em nada a empolgação de Kimi Raikkonen para a próxima corrida, na Espanha.

Tanto que o piloto da Lotus, campeão mundial em 2007, fez questão de admitir que seu primeiro pódio no retorno à categoria, da qual ficou distante por duas temporadas, não teve nada de especial para ele, mas teve um gostinho bom para a equipe.
 
"É ótimo estar lá, um ótimo sentimento e todos ficaram felizes. Mas eles ficariam mais se vencessemos. Especial não foi, mas foi legal. Foi um passo médio. Acho que, para a equipe, o segundo e o terceiro lugares foram importantes, pois eles conseguiram tirar algo importante desse trabalho."
 
"Acho que a equipe está feliz com o que adquiriu, ela tentou muitas coisas, estava com algumas dúvidas em algumas áreas que foram solucionadas e amanhã saberemos mais. Este é um circuito diferente, difícil de dizer", conta Kimi, que, para Barcelona, tem um desejo simples: terminar uma posição melhor que em Sakhir.
 
"Cada corrida é diferente, é difícil dizer. Acho que temos um bom pacote e uma boa chance. Você sempre quer vencer. Minha meta é tentar terminar uma posição à frente. Sei que não é fácil, tudo tem que funcionar perfeitamente e o resultado pode ser errado ou não. Vamos tentar forçar sempre", completa.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Pilotos Kimi Raikkonen
Tipo de artigo Últimas notícias