Estreante russo diz que treino "foi mais fácil que esperava"

Aos 19 anos, Sergey Sirotkin destaca momento positivo do país na categoria e busca vaga para o ano que vem

Após fazer sua estreia em treinos livres na Fórmula 1 correndo em casa, Sergey Sirotkin já se considera pronto para se tornar piloto titular da categoria. O piloto de 19 anos, que ocupou a vaga de Esteban Gutierrez na primeira sessão em Sochi.

[publicidade] O russo completou 22 voltas e fez o 17º tempo, ficando pouco mais de quatro décimos atrás do outro carro da equipe, de Adrian Sutil. Foi a segunda vez que o piloto andou com o C33, tendo participado do teste de pré-temporada no Bahrein, em abril deste ano, e ainda não tem lugar no grid em 2015.

“Aqui eu tive a chance de me comparar e me surpreendeu que foi mais fácil do que eu esperava. Sinto-me mais pronto para esse passo [do que  no Bahrein]. Eu só precisava de uma chance. Demorou um tempo para eu entrar no ritmo, mas depois disso não tentamos bater nenhum recorde, fomos buscando o tempo lentamente. Infelizmente, na minha volta rápida tive azar com o tráfego. Dava para ter ido mais rápido.”

O russo destacou o crescimento do esporte a motor em seu país. “Esse final de semana é um grande passo para atrair o interesse das pessoas. Estamos trabalhando para conseguir um lugar no ano que vem. Não há nada que eu possa dizer oficialmente, mas estamos trabalhando.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias