Ex-dirigente aposta em retorno da BMW já no próximo ano

compartilhar
comentários
Ex-dirigente aposta em retorno da BMW já no próximo ano
Por: Julianne Cerasoli
10 de abr de 2014 10:01

Giancarlo Minardi destaca presença de técnicos da montadora alemã nos testes e provas da Fórmula 1

A alemã BMW poderia estar planejando o retorno à Fórmula 1, de acordo com Giancarlo Minardi, ex-chefe da equipe que levava seu nome. A fábrica, com a qual Nelson Piquet foi campeão do mundo na Brabham, tinha uma equipe própria quando deixou a categoria no final de 2009.

O ex-dirigente salientou que o novo regulamento, focado em eficiência, com motores V6 turbo equipados com sistemas de recuperação de energia, tem atraído novos fornecedores. Até agora, quem confirmou a volta à Fórmula 1 é a Honda, que também deixou a categoria em 2009 e retornará com a McLaren a partir do ano que vem.

“A atual revolução tem interessado a vários fabricantes”, escreveu Minardi em seu portal. “Esses novos motores serão o futuro para os carros de rua. Rumores da Alemanha falam de uma reunião dentro da BMW marcada para o mês de maio, com o objetivo de avaliar o retorno à categoria até mesmo para 2015. O chefe deste projeto é Steven Althaus, Diretor Gestão da Marca BMW e de Marketing do Grupo BMW. A confirmação do desejo da BMW avaliar futuros projetos foi a presença contínua de técnicos, tanto durante os testes de pré-temporada, quanto durante as primeiras corridas, acumulando informações importantes.”

Minardi destacou ainda como a volta da BMW serviria para calar os críticos do novo regulamento, que visou justamente atrair mais empresas do setor automobilístico. “Isso será a confirmação de que a F-1 continua a ser a expressão máxima do automobilismo mundial”, concluiu.

O envolvimento da BMW com a categoria começou ainda na década de 1950, mas foi trinta anos depois que a marca atingiu seu auge, com o título de 1983, justamente com um motor turbo. A empresa também firmou parceria com a Williams antes de comprar a Sauber, em 2006 e administrar a equipe até o final de 2009.
Próxima Fórmula 1 matéria
Presidente da FIA promete "reconsiderar" pontuação dobrada

Previous article

Presidente da FIA promete "reconsiderar" pontuação dobrada

Next article

"Preferiria um carro que não economizasse tanto", diz Bottas

"Preferiria um carro que não economizasse tanto", diz Bottas
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias