Ex-engenheiro da Ferrari, Chris Dyer vai para Renault

Australiano, que participou de títulos da escuderia de Maranello com Michael Schumacher, se junta à nova Renault

Apontado como um dos grandes responsáveis por parte do período vitorioso de Michael Schumacher em sua passagem pela Ferrari, Chris Dyer fará parte da Renault. Ele será diretor de desempenho do time.

O australiano teve sua primeira experiência no esporte a motor em 1992, em categorias de turismo V8.

Em dezembro 1996 fez parte da Arrows. Neste período ele trabalhou com Damon Hill e Jos Verstappen, antes de se transferir para a Ferrari em janeiro de 2001.

Ele foi o engenheiro de provas de Schumacher nas campanhas de 2003 e 2004 e também ajudou Kimi Raikkonen a conquistar o título mundial de 2007.

Dyer se tornou engenheiro-chefe em 2009. No entanto, é apontado como um dos responsáveis pela má estratégia que tirou o título de Fernando Alonso de 2010, no GP de Abu Dhabi.

Ele deixou a equipe italiana em agosto de 2011.

Após o período na F1, ele se juntou à BMW, no programa do DTM onde estava até ser chamado pela Renault. Ayao Komatsu, que fazia o papel de Dyer, acertou a ida para a Haas F1 Team.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Renault F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags chris dyer