F1 confirma Pirelli como fornecedora até 2023

compartilhar
comentários
F1 confirma Pirelli como fornecedora até 2023
Por: Alex Kalinauckas
25 de nov de 2018 11:59

A Pirelli continuará como fornecedora única da F1 após vencer a concorrência de olho no ciclo que abrange as temporadas de 2020 a 2023.

A Pirelli fornece pneus à categoria desde 2011, mas, desta vez, contava com a concorrência da Hankook para o posto após 2019.

O novo acordo se tornava ainda mais complicado pelo fato de que, a partir de 2021, a categoria passará a usar rodas aro 18 e com o banimento dos cobertores térmicos.

Isso significa que o primeiro ano do novo ciclo exigirá da fornecedora um composto parecido com os atuais, sendo que, do segundo ano em diante, viriam os novos pneus.

“A Pirelli tem sido uma importante e valiosa parceira da F1 desde 2011”, disse o presidente e diretor executivo da F1, Chase Carey. “Eles são líderes em fornecer suas capacidades inovadoras.”

“Ela é uma marca premium, uma líder global no automobilismo, e nossa duradoura parceria com eles  mostra mais uma vez nosso desejo de alinhar a F1 com o melhor do esporte a motor e além.”

“Estamos satisfeitos por termos chegado a este acordo, o que garante um futuro estável de longo prazo para um componente tão crucial para a F1.”

O presidente da FIA, Jean Todt, disse: “Estou feliz por ter a Pirelli escolhida para mais um período como fornecedora oficial ao Campeonato Mundial de F1.”

“Isso permitirá que todos nós aproveitemos a experiência ganha desde 2011. Sabemos o quão crucial e difícil é o papel de fornecedora de pneus, especialmente na F1.”

O vice-presidente e diretor executivo da Pirelli, Marco Tronchetti Povera, acrescentou: “É uma excelente notícia que a Pirelli esteja prolongando sua parceria com a F1 até 2023.”

“Este novo acordo prolonga nossa parceria para um total de 13 temporadas na era moderna, sendo que a Pirelli também estava presente em 1950, quando o campeonato foi inaugurado.”

“A F1 é e continuará sendo o topo do esporte motorizado: é o ambiente perfeito para a Pirelli, que sempre definiu o automobilismo como sua mais avançada pesquisa tecnológica e laboratório de desenvolvimento.”

A antiga fornecedora Michelin descartou a candidatura, já que possuía objeções quanto ao ano único com as de 13 polegadas em 2020 e ter de produzir pneus de alto desgaste.

Next article
GALERIA: Grid do GP de Abu Dhabi em imagens

Previous article

GALERIA: Grid do GP de Abu Dhabi em imagens

Next article

Hamilton fecha temporada com nova vitória no GP de Abu Dhabi

Hamilton fecha temporada com nova vitória no GP de Abu Dhabi
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Alex Kalinauckas