"F1 poderá ter novas receitas após Ecclestone", diz Dennis

Segundo acionista da McLaren, categoria tem potencial de novos ganhos no longo prazo, após saída de chefão da FOM

Muito se tem falado sobre as oportunidades da F1 de maximizar seus ganhos e que muito das receitas estão indo parar nas mãos dos donos da CVC e não retornando ao esporte. Mas, grandes nomes envolvidos na categoria, como Ron Dennis, vê com otimismo o futuro do esporte.

"Não consigo acreditar que alguém que compre a F1 faça isso para perder dinheiro", disse Dennis.

"O ponto principal não é quem é o dono da F1 e sim quem lidera a categoria. E, claro, Bernie é tem um estilo único, sem dúvida."

"Tudo que virá na sequência dele será totalmente diferente, porque há somente um Bernie, com seu estilo, experiência, conhecimento, memória e capacidade de negociar de forma agressiva."

Montanha russa

Falando sobre como serão os ganhos da F1, Dennis profetizou: "você acredita que vai subir? Eu acho que deve cair no começo, mas deve voltar a subir depois."

"É difícil compreender para onde vamos, mas observe as receitas geradas pelo futebol inglês ou alguns esportes americanos. Existem esportes conseguindo grandes acordos financeiros."

Ainda é um bom espetáculo

Dennis acredita que a F1 conseguirá mais receitas por causa de que ainda é um bom show.

"A F1 ainda é um espetáculo, é muito boa, mesmo com o domínio da Mercedes. Os fãs também gostam de ver coisas do passado."

"Mas ainda há mais ultrapassagens e há competitividade entre os dois pilotos da Mercedes, que atrai muita mídia entre eles, sendo positiva ou negativa."

"Então acho que a F1 pode gerar mais renda. Mas isso não é uma crítica a Bernie ou CVC. Eu só acho que se pode ter uma maior renda no futuro."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias