"Feliz", Massa diz que quer renovar com Williams

Felipe Massa diz que não dá para cravar futuro, mas brasileiro gostaria de estender contrato com time de Grove, que se encerra no final de 2016

Felipe Massa, que no final da passagem pela Ferrari não vivia o melhor momento da carreira, ressurgiu em uma Williams que, assim como o brasileiro, se recolocou entre os protagonistas da Fórmula 1 nas duas últimas temporadas.

Massa, porém, quer mais. Embora reconheça que não há nada de concreto no momento e que, por isso, não é possível cravar nada, o piloto diz que permanecer no time de Grove para além do contrato atual (que se encerra no final de 2016) seria algo excelente para ele.

“Estou feliz por trabalhar nesta equipe maravilhosa e acho que eles estão felizes comigo. Mas precisamos esperar para ver como será o próximo ano e o que decidirei em relação aos passos seguintes", disse.

"Seguirei na Williams, que é um time fantástico, irei para outra equipe ou pararei? Não sei, é difícil responder sem ter todo o cenário à sua frente. Mas quero continuar (na Williams), sem dúvida", afirmou.

Regras de 2017 podem mudar relação de forças

O desejo de Massa em permanecer na Williams vem ao lado de projeções feitas por ele de que as regras que entrarão em vigor em 2017 podem modificar a relação de forças entre as principais equipes do grid

“Se uma equipe investe uma quantia elevada ou faz um trabalho melhor do que as demais, ela será muito mais veloz e forte. Mas (as mudanças) também podem aumentar a competitividade. Fato é que mudanças são necessárias, inclusive no motor, para que tudo seja mais simples para todos", completou.

Colaborou Valentin Khorounzhiy

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Equipes Williams
Tipo de artigo Últimas notícias