Fernando Alonso: 'Foi muito difícil fechar a porta para a Ferrari'

Espanhol admitiu ter enfrentado grandes dificuldades durante a decisão na qual anunciou a saída da equipe de Maranello

Alonso ainda não definiu o futuro para o ano que vem
O nome de Fernando Alonso deverá ser anunciado na McLaren nos próximos dias. Entretanto, o espanhol ainda se mostra um pouco apegado à antiga casa. Neste sábado, em entrevista reproduzida pela ‘Autosport’, o bicampeão mundial admitiu: Foi muito complicado dizer não para a Ferrari.
 
[publicidade]“Foi muito difícil fechar a porta para a Ferrari e decidir não trabalhar com a cor vermelha no próximo ano. Foi uma decisão muito, muito difícil de se tomar”, declarou Fernando Alonso.
 
Apesar de já evidenciar a ‘saudade’ de Maranello, Alonso procurou justificar a saída do time vermelho: a pouca competitividade nas últimas temporadas, responsável por afastá-lo da briga por pódios e vitórias.
 
“Perdi as brigas pelo pódio, perdi a chance de comemorar com champagne, perdi a chance de comemorar vitórias, vencer campeonatos...então acho que um novo projeto poderia me trazer novamente essas possibilidades”, opinou o bicampeão mundial da categoria.
 
Embora siga misterioso em relação ao future, já que a McLaren (mais uma vez) adiou o anúncio da dupla de pilotos para o ano que vem, Alonso mostra confiança na (provável) parceria.
 
“Talvez não consiga alcançar meus objetivos no primeiro ano, mas, no futuro, não tenho dúvidas que lutarei novamente”, encerrou o piloto espanhol, que deve ser anunciado na próxima semana como nova estrela da McLaren.
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias