Fernando Alonso: "Quero melhorar na segunda parte do ano"

Mesmo líder, espanhol acredita que dá para crescer, e só não quer que relação com a equipe mude até final do ano

Alonso é líder do campeonato

Único piloto com pontos marcados em todas as provas na temporada – em sequência que vem desde meados do ano passado e que pode fazer com que iguale recorde histórico de Michael Schumacher na próxima prova, na Hungria – e único a ter vencido três GPs até aqui, Fernando Alonso vive o melhor momento da carreira.

Ainda assim, o líder do Mundial, com 40 pontos de vantagem para o segundo colocado, Mark Webber, acredita que pode melhorar.

“Você sempre pode pilotar melhor. Sempre aprende coisas, a cada GP, melhora em detalhes, como na preparação do carro. Ainda que esteja contente com a maneira como a primeira parte da temporada transcorreu, quero que, tanto eu, quanto a equipe, possamos melhorar na segunda.”

O único ponto que Alonso não vê como pode ser melhor é sua relação com a equipe Ferrari, com a qual vem tendo um casamento harmonioso desde que chegou à Scuderia, em 2010. Prova disso é que tem contrato assinado até o final de 2016.

“Minha relação com a equipe é difícil pensar que possa ser melhor. Isso não só neste ano. Todos estes anos a Ferrari tem sido uma grande família para mim. Passo muito tempo na Itália, conheço todo eles, jantamos e jogamos bola juntos. Seria uma ótima notícia que a relação com a equipe continuasse como está agora.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias