Ferrari anuncia Kvyat como novo piloto de desenvolvimento

Russo perdeu a chance de se manter como titular em 2018 e permanecerá envolvido com a categoria pela escuderia italiana

Daniil Kvyat permanecerá envolvido com a F1 como piloto de desenvolvimento da Ferrari para a temporada de 2018, anunciou a equipe nesta quarta-feira.

O piloto russo vinha tentando permanecer ligado à categoria após ter sido dispensado pela Toro Rosso ao fim da última temporada, quando fazia campanha decepcionante.

Kvyat procurou a Williams para discutir a ideia de uma transferência à equipe de Grove, mas, em vez disso, a equipe deverá confirmar seu compatriota Sergey Sirotkin na vaga ao lado de Lance Stroll – com um anúncio oficial neste sentido preparado para a próxima semana.

Ao perder a oportunidade na Williams, não havia outra vaga de titular disponível para Kvyat. Então, o russo, fluente em italiano, conseguiu o acordo para trabalhar com a Ferrari.

O papel de desenvolvimento provavelmente envolverá trabalho de simulador e potencialmente alguns testes, mesmo que isso ainda não tenha sido oficialmente confirmado.

Kvyat fez sua estreia na F1 em 2014, com a Toro Rosso, e foi promovido à equipe principal da Red Bull no ano seguinte, substituindo Sebastian Vettel.

Mas, ao sofrer para render de forma consistente e se envolvendo em uma série de acidentes, ele foi rebaixado novamente à Toro Rosso a partir do GP da Espanha de 2016, trocando de lugar com Max Verstappen.

Parecia que Kvyat havia reconquistado sua confiança, mas uma série de corridas decepcionantes no ano passado deixou a Red Bull pouco convencida de seu potencial.

Kvyat foi substituído por Pierre Gasly para os GPs da Malásia e do Japão, mas retornou nos Estados Unidos e marcou um ponto. Contudo, não foi suficiente para que ele mantivesse sua vaga. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Daniil Kvyat
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias