Ferrari: F1 precisa se repopularizar e ser mais acessível

Presidente da montadora, Sergio Marchionne espera grandes coisas da Liberty Media a partir deste ano

Com a Liberty Media passando a ser a nova dona dos direitos comerciais da Fórmula 1, o presidente da Ferrari, Sergio Marchionne, espera uma grande mudança na maneira como a categoria é divulgada.

"O que eu espero, para ser honesto, é o esporte em si ser melhor em 2017", comentou Marchionne durante uma conferência da Ferrari.

"Essa será uma grande base para que possamos continuar nosso compromisso com a Fórmula 1 e para estabelecer diretrizes após 2020.”

"Eu esperaria que a Liberty Media e Chase Carey, em particular, tenham uma compreensão muito clara do fato de que o lado do entretenimento precisa voltar a ser levado a sério.”

"Não podemos continuar levando a sério um esporte que tem visto sua audiência decrescer por uma várias de razões. Precisamos repopularizar o esporte, torná-lo mais acessível. Este é o trabalho que precisa ser feito.”

"Vamos fazer a nossa parte como a Ferrari para ter certeza de que isso possa aconteça. Mas esse trabalho precisa ser iniciado agora."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias