Ferrari nega problemas em desenvolvimento do carro para 2015

Escuderia italiana segue trabalhando para se desenvolver e recuperar a força para o próximo campeonato

Pat Fry está satisfeito com o trabalho da Ferrari para 2015
Diante de uma temporada na qual acumulou resultados insatisfatórios, a Ferrari já iniciou os trabalhos para o ano que vem. De acordo com a revista ‘Autosprint’, os primeiros testes apresentaram um carro mais lento do que o atual. Entretanto, em Interlagos, a cúpula da tradicional escuderia vermelha tratou de negar a informação.
 
[publicidade]Perguntado durante entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, Pat Fry, diretor-técnico da Ferrari, descartou qualquer informação desanimadora sobre o desenvolvimento do carro de 2015.
 
“Bom, não sei de onde você tirou essa informação, para ser sincero. Estamos enfrentando grandes desafios para desenvolver o carro do jeito que planejamos, tanto na questão do motor quanto no chassi. Obviamente precisamos de uma grande evolução”, declarou um confiante Fry.
 
“Eu acho que as coisas estão evoluindo bem. Mas, se me perguntarem se alcançamos o nosso objetivo, eu respondo que não. Ainda estamos longe do que queremos, mas temos quatro meses e meio pela frente, no mínimo, para desenvolvermos todas as áreas para o próximo ano”, acrescentou.
 
A Ferrari sofreu com uma queda brusca de rendimento nesta temporada, na qual não apresentou grande competitividade para brigar por vitórias. A melhor posição do time em uma corrida ocorreu na Hungria, onde Fernando Alonso chegou no segundo lugar.
 
A preocupante campanha resultou em mudanças na direção da equipe e no aumento do trabalho para desenvolver o carro da próxima temporada. Trabalho, este, que tem agradado a Pat Fry.
 
“Acho que estamos tendo um bom progresso. Todas as equipes estão trabalhando bem juntos. Estamos fazendo o nosso melhor, então acredito que tudo está indo bem”, concluiu.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias