Ferrari substitui motor de Raikkonen após problemas no TL2

Equipe vai trocar unidade do finlandês depois do problema que sofreu na segunda sessão de treinos para GP da Espanha

A Ferrari de Kimi Raikkonen chegou a soltar fumaça na curva 10, a menos de 40 minutos do final do segundo treino livre desta sexta-feira.

A equipe confirmou que irá substituir o motor de combustão interna, turbocompressor e MGU-H antes da última sessão de treinos de amanhã como "precaução".

Como é a primeira vez que Raikkonen precisa substituir qualquer um desses componentes, ele não terá punições de grid.

Os componentes alterados serão verificados e poderão ser introduzidos novamente no conjunto de peças disponíveis de Raikkonen nesta temporada.

Enquanto isso, a FIA confirmou que os pilotos que abandonaram o GP do Azerbaijão montaram novas caixas de câmbio sem penalidade.

Valtteri Bottas, Daniel Ricciardo, Max Verstappen e Esteban Ocon se beneficiararm de um novo dispositivo.

Nico Hulkenberg e Romain Grosjean tiveram uma nova caixa de câmbio montada durante o fim de semana de Baku antes de também abandonarem a corrida.

Eles também podem usar uma caixa de câmbio nova na Espanha, o que dará início a uma nova série de seis eventos consecutivos que o componente deve completar.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Kimi Raikkonen
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias