FIA amplia restrições de comunicação via rádio na F1

compartilhar
comentários
FIA amplia restrições de comunicação via rádio na F1
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble
17 de mar de 2016 01:50

Federação Internacional de Automobilismo define regras que regem comunicações por rádio neste ano na Fórmula 1

McLaren; detalhe rádio da equipe
Placa de Pit para Kimi Raikkonen, da Ferrari
Placa de Pit para Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T
Fones
Christian Horner
Fernando Alonso, McLaren no pit wall com Andrea Stella

Os pilotos de Fórmula 1 vão enfrentar restrições ainda mais duras em relação a mensagens de rádio a partir da primeira corrida da temporada, após a confirmação de que a FIA irá limitar ainda mais a influência da equipe

Embora a FIA tenha planejado há muito tempo restringir a comunicação da equipe com os pilotos, a lista mais recente de limitações vai dramaticamente além do que o originalmente delineado.

 Em um documento enviado para as equipes antes que eles viajassem para a Austrália, onde será iniciada a temporada, ficou claro que a FIA adotará uma abordagem mais radical para o assunto.

Na nota, a FIA diz que planeja limitar as mensagens: "de toda a comunicação com o piloto, incluindo, mas não se limitando, a rádio e pit boards".

Limites mais severos

Em alterações à lista original de restrições, a FIA disse que as equipes só podem alertar os pilotos de um problema crítico no carro se: "a falha de um componente ou sistema é iminente e potencialmente terminal."

Além disso:

- Em relação a tempos de volta e detalhes do setor, os pilotos só podem ser informados sobre o seu próprio desempenho - e não dos concorrentes.
- Informações sobre pit stops só podem ser fornecidas no volta que o piloto supostamente entrará nos boxes - não antes.

Remoção de informações

Na sequência das propostas preliminares de dezembro, a FIA também removeu uma série de mensagens que foram previamente autorizadas. Essas incluem:

- Informar diferenças entre os carros na fase de qualificação para melhor posicionar o carro para uma volta limpa.
- A escolha dos pneus no próximo pit stop.
- Número de voltas que um concorrente fez com um jogo de pneus durante a corrida.
- Especificação de pneu de um concorrente.
- Informações relativas à estratégia de corrida provável de um dos concorrentes.
- Mudança de posição da asa dianteira no próximo pit stop.
- Lembrete sobre limites de pista.
- Número de voltas para o final.

Mensagens codificadas proibidas

A FIA também deixou claro que não vai permitir que as equipes tentem contornar as restrições usando mensagens codificadas.

Ele diz que qualquer mensagem: "o que nós suspeitamos que tem sido usado como uma mensagem codificada para uma finalidade diferente (incluindo um pedido para um piloto) é suscetível de ser considerada uma violação do artigo 20.1 do Regulamento Desportivo e será relatada".

Próxima Fórmula 1 matéria
Como a melhora do motor Ferrari mudou a suspensão do SF16-H

Previous article

Como a melhora do motor Ferrari mudou a suspensão do SF16-H

Next article

Aston Martin confirma parceria tecnológica com Red Bull

Aston Martin confirma parceria tecnológica com Red Bull
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias