FIA fecha porta para novas equipes e só Haas vai entrar na F1 em 2016

Não mais do que 11 times estarão no grid da Fórmula 1 no ano que vem e em 2017. A entidade máxima do automobilismo mundial confirmou que somente a equipe de Gene Haas vai estrear na próxima temporada

Em 2016 a Fórmula 1 não terá mais do que 11 equipes no grid. Após a confirmação da Haas F1 Team, nenhuma outra escuderia foi adicionada para os próximos dois anos.

No início do ano a FIA abriu a possibilidade de novos times entrarem no circo da Fórmula 1 e "assegurar o futuro sustentável do esporte a longo prazo". O prazo final das inscrições era de 30 de junho, mas o deadline foi prorrogado para o fim de julho, para dar aos interessados mais tempo de preparo.

LEIA MAIS: De carnaval em Barbados a música country: as férias da F1

No entanto, após o fim do prazo dado pela entidade e a avaliação dos candidatos, ficou decido que não haverá mais entradas, além da equipe Haas F1 Team, que já havia tido autorização anteriormente.

"Nenhum dos pedidos foram capazes de cumprir com todos os critérios que a FIA impõe para a entrada de novas equipes, apesar de todos os interessados terem tido a oportunidade de mostrar sua capacidade", disse um porta-voz da FIA ao Motorsport.com.

"Esta fase de candidaturas está encerrada agora."

A FIA se recusou a comentar quem eram os potenciais times.

2017 ainda possível

Embora o a concorrência da FIA abrangesse o período de 2016 e 2017, isso não quer dizer que uma nova escuderia entraria somente em 2018. A FIA estaria disposta a abrir uma exceção em caso de uma das grandes fabricantes, como Renault ou Audi, pedirem o ingresso à categoria em 2017.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Haas F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias