FIA trabalha para definir regras aerodinâmicas de 2019

compartilhar
comentários
FIA trabalha para definir regras aerodinâmicas de 2019
12 de jun de 2018 15:39

Diretor de corridas da Fórmula 1, Charlie Whiting, avisa que a FIA está disposta a empurrar sua visão sobre as regras aerodinâmicas para 2019 com as diretrizes técnicas adicionais, caso as equipes não apoiarem por unanimidade a versão final

Renault Sport F1 Team RS 18 front wing detail
Force India VJM11 rear wing detail
McLaren MCL33 front wing detail new version
Mercedes-AMG F1 W09 rear wing
Red Bull Racing RB14 front wing detail
The rear wing of the Haas F1 Team VF-18
Williams FW41 nose and front wings
Front wings and nose cones belonging to the Toro Rosso STR13 cars
Haas F1 Team VF-18 rear wing detail

O novo pacote aerodinâmico, formulado pela Fórmula 1 e pela FIA para favorecer as ultrapassagens, foi aprovado em 30 de abril, o prazo final para mudanças nos regulamentos.

A versão revisada está pronta, mas como o prazo limite já passou, exige que todas as dez equipes aceitem em votação unânime para que seja aprovada.

"A chegada das medidas publicadas está feita", respondeu Whiting quando perguntado pelo Motorsport.com. "Deveríamos ter a nova versão, que modificamos depois de receber comentários de algumas equipes, para enviá-la na segunda ou terça-feira."

"Então, vamos ver se todos estão satisfeitos com isso. A alternativa, se não obtivermos uma nova versão formalmente aprovado, é uma série de orientações técnicas para esclarecer algumas partes que não estão claras."

Whiting reconheceu que adicionar diretivas técnicas não é uma solução ideal.

"É muito complicado. Acho que todos prefeririam ter tudo em um conjunto de regras. No final, tenho certeza de que tudo terminará bem."

O principal problema tem sido os espaços em que as equipes podem colocar a carroceria, com a necessidade de adaptar as restrições introduzidas às já existentes.

"Se trata disso, mas também há coisas sobre os dutos dos freios. Eu acho que o ponto principal foi aplicar a mesma abordagem para os dutos de freio dianteiro e traseiro. É algo que algumas equipes estavam um pouco descontentes, que nos encarregamos de modificar".

Algumas das equipes que votaram contra as mudanças ainda estão chateadas com esse processo.

"Infelizmente, devido aos que foram apressados, é um regulamento ruim que precisa ser corrigido por regras adicionais ou diretrizes técnicas, e para quê?", Disse Christian Horner, chefe da Red Bull, ao Motorsport.com.

"Tudo mudou desde abril. Haverá outra rodada de negociações. Acho que todo mundo sabe quais serão as regras fundamentais, mas elas precisam ser ordenadas, o que, sem dúvida, levará a mais votações e negociações."

Next article
Vettel se irrita com críticas “míopes” a provas chatas da F1

Previous article

Vettel se irrita com críticas “míopes” a provas chatas da F1

Next article

Red Bull é conservadora na escolha de pneus para França

Red Bull é conservadora na escolha de pneus para França
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1