Fora do top 10, Massa se surpreende com queda da Ferrari

Time italiano ficou devendo depois de liderar a primeira sessão da sexta-feira com Fernando Alonso

A Ferrari viveu um dia difícil de compreender nesta sexta-feira de treinos livres para o GP dos Estados Unidos. Depois de fazer o melhor tempo, com Fernando Alonso, pela manhã e o sétimo com Felipe Massa, o carro perdeu rendimento na sessão da tarde e os pilotos fecharam o dia em 10º e 12º, novamente com o espanhol à frente.

Falando ao TotalRace, Massa disse que a equipe ainda precisa compreender o que deu errado de uma sessão para a outra. O treino da tarde é particularmente importante porque é realizado no mesmo horário da classificação e da corrida.

“É difícil entender o porquê, para falar a verdade”, admitiu o piloto. “A gente começou bem no treino da manhã e parecia que o carro tinha casado melhor aqui do que com outras pistas. Mas no treino da tarde foi difícil e não conseguimos fazer um bom tempo. O carro é o mesmo das últimas provas, então não tem porque esperar algo completamente diferente. Mas precisamos compreender por que caímos tanto de produção porque foi uma diferença grande.”

Projetando a corrida, o brasileiro argumentou que a opção da Pirelli por seus compostos mais duros simplifica a estratégia. Como os pneus estão durando muitas voltas, o piloto acredita que todos seguirão a mesma tática de uma parada, assim como aconteceu ano passado.

“Os pneus são bem duros para esta pista, então deve ser uma corrida de uma parada para todas as equipes. Ano passado era até pior nesse sentido, porque o asfalto era muito novo. Acho que a única diferença é essa: os compostos escolhidos continuam sendo muito duros para esta pista. Então só devemos fazer uma parada.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias