Force India reclama de pneus e não pontua pela 1ª desde Sepang

Ricciardo tem problemas com pneus médios e perde chance de boa corrida saindo de sexto. Confira o que os pilotos disseram

Force Indias foram 11º e 13º hoje em Nürburgring

Para a Force India o GP da Alemanha não foi bom. A equipe, que pontuava com pelo menos um carro e todos os GPs do ano à parte de Sepang, teve problemas para fazer os pneus funcionarem em Nürburgring e andou aquém de outras corridas.

A Toro Rosso acabou desperdiçando a ótima classificação de Ricciardo também com problemas no stint de pneus médios. Além deles, confira o que os pilotos da Marussia e da Caterham falaram após a prova de hoje.

Paul di Resta – 11º – Force India: “Não foi dos finais de semana mais fáceis para nós, mas no fim da corrida parecia que conseguiríamos alguns pontos. No fim ficamos sem pneus. Sabíamos que seria arriscado por nossa estratégia de duas paradas, especialmente porque tivemos que parar com Safety Car. Tive problemas com o primeiro  jogo de médios. Não estava feliz com o equilíbrio.”

Adrian Sutil – 13º – Force India: “Foi uma corrida muito desapontadora. Por alguma razão, não ritmo neste fim de semana. Tive problemas com os pneus e tive que converter uma corrida de duas paradas em três, o que não era nosso plano.”

Daniel Ricciardo – 12º – Toro Rosso: “Foi uma corrida frustrante e aborrecida para mim. Depois da largada, consegui me segurar com o pneu macio, mas quando parei pelos médios, tive problemas com o ritmo e não consegui ir tão bem. Foi muito frustrante correr e ir perdendo terreno. Não sei por que agora. Precisamos olhar nos dados.”

Jean-Éric Vergne – Abandonou – Toro Rosso: “Não há muito o que dizer, porque não tive um bom ritmo durante todo o fim de semana e hoje não mudou. O carro estava difícil de guiar desde a largada. Na volta 23, a equipe me disse que estava com uma falha hidráulica e me chamou para abandonar. Um fim de semana para esquecer.”

Charles Pic – 17º – Caterham: “Minha largada foi boa, passei Chilton, mas tive que frear forte na curva 1 e tive uma grande vibração na asa dianteira. Pararíamos muito cedo, então não precisaríamos mudar muito a estratégia. No segundo stint o nível de degradação foi bom. Paramos antes das Marussias. Mas uma parada não planejada arruinou minha estratégia. Tive um furo lento. Há algumas voltas para o fim, passei Giedo e finalizei a corrida.”

Giedo van der Garde – 18º – Caterham: “Larguei bem, passei dois carros, mas Vergne me passou no fim da primeira volta. Paramos no início pelos médios. O primeiro set de médios estava Ok. Fizemos o plano de parar na volta 20.Parei na volta 35 como Safety Car, e no fim tive problemas com pneus, o que fez com que eu Charles disputássemos até a bandeirada.”

Jules Bianchi – Abandonou – Marussia: “Obviamente foi bem desapontador terminar minha corrida tão cedo com problemas de motor. Larguei mal e havia voltado na frente de Van der Garde na minha segunda parada, mas o motor estourou.”

Max Chilton – 19º – Marussia: “Não foi uma corrida fácil hoje. Tivemos problemas na largada, mas consegui chegar em Jules e Charles. Estava feliz com o carro. Infelizmente Jules teve problema de motor. Infelizmente sofremos com os pneus traseiros com dez voltas para o fim da prova. No geral, estou feliz com minha performance e velocidade hoje.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Giedo van der Garde , Paul di Resta , Adrian Sutil , Daniel Ricciardo , Max Chilton , Charles Pic , Jules Bianchi
Tipo de artigo Últimas notícias