Force India se prepara para comemorar 100º GP em Montreal

Equipe com início em 2008, após comprar espólio da Spyker, quer colocar os dois carros nos pontos no Canadá

Sutil lidera Hülkenberg e Ricciardo em Mônaco

A Force India prepara a festa em Montreal. O motivo vai além dos resultados que podem vir a conseguir no fim de semana. O time fará sua centésima corrida na F-1 no Circuito Gilles Villeneuve.

A equipe que começou em 2008 após adquirir o espólio da Spyker – que anteriormente havia sido a Midland e a tradicional equipe Jordan – conseguiu seu melhor resultado em 2009, quando Giancarlo Fisichella surpreendeu cravando a primeira pole position no GP da Bélgica para um time que até então não tinha sequer pontos. O italiano conseguiu o segundo lugar na prova.

De lá para cá o time somou varias conquistas e de fato escalou o pelotão, se encontrando atualmente à frente da poderosa e tradicional McLaren no campeonato de construtores, no quinto lugar.

“Estou orgulhoso de todos porque conseguimos bons resultados neste ano apesar de alguns azares. Com um pouco mais de sorte, poderíamos estar mais à frente da McLaren”, diz Vijay Mallya, dono da equipe.

“O GP do Canadá será nossa centésima corrida. Quando começamos, em 2008, tínhamos a simples ambição de passar do Q1 e sonhávamos em marcar pontos. Ver onde estamos hoje é extremamente recompensador e nos motiva a continuar trabalhando pelas próximas 100 corridas.”

Paul di Resta confia que a pista do Canadá tenha características que façam o VJM06 andar bem. “Montreal é uma pista que naturalmente é boa para nós. Vamos confiantes de que poderemos pontuar de novo.”

“100 corridas é algo significativo e é incrível como a equipe cresceu durante este tempo. É um crédito ao comprometimento dos acionistas, e tomara e nós possamos dar a todos um motivo para sorrir no domingo”, concluiu Paul.

Sutil mira em pontos e em uma boa corrida como em Mônaco, apesar de nunca ter tido muita sorte em Montreal. “Gosto da pista, mas por alguma razão nunca tive bons resultados lá. Tomara que consigamos mudar isso neste ano.”

“É definitivamente uma das minhas pistas favoritas no calendário, porque é uma bela cidade. A pista é interessante e bem diferente das outras. Podemos ter uma corrida longa com cenários diferentes e opções de estratégia”, disse.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias