Frustrado com escolha da Toro Rosso, Félix da Costa ainda sonha com a F1

compartilhar
comentários
Frustrado com escolha da Toro Rosso, Félix da Costa ainda sonha com a F1
Por: Guilherme Carvalho
22 de out de 2013 12:14

Português era o favorito à vaga na equipe satélite da Red Bull, mas foi preterido pelo russo Daniil Kvyat

Apontado como favorito à vaga na Toro Rosso antes do anúncio do russo Daniil Kvyat, o português António Félix da Costa comunicou através de sua assessoria de imprensa que recebeu a notícia de forma dolorida, mas que continua com a “família Red Bull” e ainda sonha em entrar para a F1.

“Esta é uma notícia que ninguém em Portugal queria ouvir, mas a Red Bull optou pelo Daniil Kvyat para a Toro Rosso em 2014 e o objetivo de entrar na Fórmula 1 como piloto titular não foi, para já, atingido. Sinto que os Portugueses estão frustrados, mas continuem a acreditar, pois o meu caminho para a Fórmula 1 não termina aqui!”, comentou o português.

“Isso mostra que nada na vida é garantido. Vou continuar a trabalhar arduamente para chegar à Fórmula 1, em conjunto com a Red Bull e toda a estrutura que me acompanha de há vários anos para cá, casos do Tiago Monteiro, o meu irmão Duarte, o meu preparador físico Emiliano Ventura e os meus parceiros. Continuo a fazer parte da família Red Bull e muito brevemente, logo que tudo esteja definido, comunicarei o meu programa desportivo de 2014. Garanto a todos os portugueses que vou continuar a competir ao mais alto nível, com a mesma determinação e vontade de vencer”, continuou Félix da Costa.

Além do comunicado via assessoria, o piloto português também se manifestou pelo twitter, desejando boa sorte ao russo. “Dói, mas é assim. Estou feliz pelo Daniil que continua na família Red Bull. Aproveita, companheiro”, escreveu.

António Félix da Costa, que integra o programa de jovens pilotos da Red Bull, este ano disputou a World Series 3.5 da Renault pela Arden Caterham, terminando o ano na terceira posição, com 172 pontos.

Próxima Fórmula 1 matéria
“Não é uma das minhas pistas favoritas”, diz Hulkenberg, sobre Buddh

Previous article

“Não é uma das minhas pistas favoritas”, diz Hulkenberg, sobre Buddh

Next article

Para Marko, Kvyat deverá estar em igualdade com Vergne na metade do ano

Para Marko, Kvyat deverá estar em igualdade com Vergne na metade do ano
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Guilherme Carvalho
Tipo de matéria Últimas notícias