Gasly se aproxima de Red Bull e Vandoorne pode ficar fora da F1

compartilhar
comentários
Gasly se aproxima de Red Bull e Vandoorne pode ficar fora da F1
Adam Cooper
Por: Adam Cooper
15 de ago de 2018 18:10

Motorsport.com também apurou que com a saída de Fernando Alonso da McLaren, compatriota é o mais cotado na equipe inglesa

Carlos Sainz Jr. competiu pela Toro Rosso por três temporadas e está atualmente emprestado à Renault, mas vai perder o assento porque Daniel Ricciardo está deixando a Red Bull para se juntar à fabricante francesa em 2019.

A decisão de Ricciardo deu a Sainz uma possibilidade na Red Bull, mas o atual piloto da Toro Rosso, Pierre Gasly, emergiu rapidamente como favorito.

Quando a Red Bull emprestou Sainz, ele manteve uma opção de retorno até o final de setembro, mas o staff de Sainz deu a entender que ele só seria convocado para a equipe principal, e não para a Toro Rosso.

Sainz está no radar da McLaren há várias semanas e acredita-se que a Red Bull esteja se preparando para promover a Gasly.

Um porta-voz da McLaren disse que "nunca comentamos sobre questões de pilotos" quando contatado pelo Motorsport.com.

O editor recomenda:

Com Alonso se afastando da F1 no final do ano, Sainz oferece uma boa possibilidade para a McLaren, uma vez que ela ainda discute o que fazer com os pilotos que estão em seus programas.

Ainda não é certo se o time vai manter Stoffel Vandoorne diante das dificuldades do belga como companheiro de equipe de Alonso e há dúvidas de que o piloto de reserva, Lando Norris, poderá estrear na F1.

Desafiante ao título da Fórmula 2, Norris admitiu que uma possibilidade era fazer treinos de sexta-feira até 2020, mas isso foi antes de Alonso anunciar sua intenção de deixar a F1.

Se a McLaren não escolher Norris para a próxima temporada, ele pode esperar até 2020 ou ser emprestado para outra equipe, com a Toro Rosso anteriormente interessada, mas sem vontade de contratá-lo apenas por empréstimo.

As chances de Vandoorne permanecer na F1 parecem limitadas se ele for descartado pela McLaren.

Ele poderia tentar tirar proveito dos movimentos de Gasly e Sainz para ir para a Toro Rosso, mas isso exigiria que a Red Bull tomasse a atitude incomum de optar um piloto rejeitado por um de seus rivais.

Vandoorne poderia encontrar refúgio na Sauber, que é dirigida por seu antigo chefe da GP2, Fred Vasseur.

O empresário de Vandoorne, Alessandro Alunni Bravi, está envolvido na estrutura de propriedade da equipe suíça.

No entanto, a Sauber não tem escassez de potenciais pilotos, devido aos seus laços com a Ferrari, o que poderia facilitar qualquer um dos pilotos, incluindo Antonio Giovinazzi.

Resta saber se os patrocinadores de Marcus Ericsson, que têm participação no time, continuarão financiando seu lugar na F1 ou liberar o segundo assento ao lado de um candidato da Ferrari.

Próxima Fórmula 1 matéria
Jacques Villeneuve: Não tenho lembranças de Gilles como pai

Previous article

Jacques Villeneuve: Não tenho lembranças de Gilles como pai

Next article

VÍDEO: Conheça a história da Force India

VÍDEO: Conheça a história da Force India
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Carlos Sainz Jr. Shop Now
Equipes McLaren Shop Now
Autor Adam Cooper
Tipo de matéria Últimas notícias