Gillan: desapontado com acidente de Pastor, mas esperançoso para Silverstone

Chefe de operações da Williams elogia modo como Bruno Senna manteve seus pneus durante a corrida de Valência

O chefe de operações da Williams Mark Gillan classificou o Grande Prêmio da Europa, disputado neste último fim de semana nas ruas de Valência, como frustrante. Após treinar bem, com a terceira posição no grid de Pastor Maldonado, sair somente com um ponto ganho e deixar um pódio escapar pelos dedos nas últimas voltas, foi um resultado desapontador.

"Certamente nós estamos desapontados por não ter capitalizado o ritmo de classificação durante todo o fim de semana, mas apesar de tudo aprendemos bastante sobre os pneus", disse Gillan. "Obviamente o time ficou triste em ver um de nossos carros bater no fim da corrida", completou.

Gillan ainda elogiou o brasileiro Bruno Senna, que conseguiu se manter bem na pista gastando pouco os pneus em relação aos seus concorrentes.

"Em conjunto com os engenheiros, Bruno Senna fez um trabalho excelente em salvar os pneus no decorrer da prova", disse.

Para o GP da Inglaterra, daqui a duas semanas, a Williams espera reverter os maus resultados da Espanha para brilhar em casa.

"Agora é hora de mantermos o foco novamente e conseguirmos um bom resultado em Silverstone. A equipe está fazendo de tudo para maximizar o desempenho e entregar um bom resultado, o que naturalmente seria especial, tendo em vista que é o nosso GP caseiro”, finalizou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Europa
Pilotos Pastor Maldonado , Bruno Senna
Tipo de artigo Últimas notícias