“Gostaria de ter ficado com o troféu”, lamenta Daniel Ricciardo

Australiano se diz chateado com veredito da FIA, torce por chuva e acha que sua equipe pode ser a segunda força

Dois dias depois do veredito do tribunal de apelação da FIA ter mantido sua desclassificação no GP da Austrália, Daniel Ricciardo chegou ao circuito de Xangai. Enxergando pelo lado bom, o piloto do carro #3 acha que o fato pode fazê-lo ficar mais faminto ainda por resultados nas próximas provas, começando por este fim de semana.

“Seria bom manter os pontos pela equipe obviamente, mas gostaria muito de manter o troféu”, falou Ricciardo ao TotalRace.

“Mas, de qualquer forma, isso me manteve mais faminto por resultados, voltar à pista e manter a mesma sensação. Tenho muita confiança neste fim de semana.”

O piloto revelou que as atualizações no RB10 serão feitas aos poucos a partir de agora. “Sempre tentamos trazer alguma coisa, alguma novidade no motor, na aerodinâmica. Acho que vamos trazer algumas peças a cada corrida agora. Nada muito grande, mas aos poucos. Espero que tenhamos um pouco mais de potência e performance do carro.”

“Falando de competitividade, acho que a Mercedes continua na frente. Era muito para que pudéssemos passá-los em uma corrida, mas acho que podemos ser a segunda equipe do grid. Esperamos melhorar corrida a corrida.”

Por fim, o australiano corroborou a tese de que com chuva seu carro pode ir melhor, declarando sua torcida para que ou a classificação ou a corrida tenham pista molhada. “Não estaria desapontado se chovesse. Nós conseguimos ficar mais perto das Mercedes, como aconteceu nas classificações de Melbourne e na Malásia. Com chuva há uma chance maior de conseguirmos melhorar.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias